Big Brother da Itália deixa confinados ligarem para os parentes por causa do coronavírus; assista

Publicado há 10 meses
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No ar desde o dia 8 de janeiro deste ano, o Grande Fratello VIP, uma espécie de Big Brother da Itália, tomou uma atitude drástica por causa do coronavírus, que já causou a morte de três mil pessoas no país e deixou várias internadas.

Na última terça-feira (17), o reality permitiu que os participantes
ligassem para seus familiares. Um comunicado foi lido pelos concorrentes e
depois, Alfonso Signorini, apresentador do programa, apareceu num vídeo
explicando a situação.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“A partir de agora, contaremos tudo dando a você a oportunidade de conversar com seus entes queridos, um por um. Mostraremos a você o que os italianos estão fazendo para trazer a vocês pouco de leveza e todos os dias forneceremos novas informações”, destacou o famoso.

A produção estava com a final agendada para o dia 27 de abril, mas foi antecipada para o dia 8 do mesmo mês, por conta da pandemia. Vale lembrar que na última segunda-feira (16), Tiago Leifert e um médico revelaram a situação para os confinados do Big Brother Brasil 20.

Assista:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio