Bianca Rinaldi afirma que A Escrava Isaura continua atual: “Parece que a escravidão nem acabou”

A estrela afirma que o trabalho a fez ganhar um novo patamar na carreira

Publicado há 3 meses
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nesta terça-feira (18), irá ao ar o último capítulo de A Escrava Isaura, que é reprisada pela quarta vez pela Record TV. Bianca Rinaldi, que interpretou a protagonista Isaura, revelou receber mensagens de pessoas que se identificam com a história.

“Por Isaura ter uma fé inabalável, muita gente diz que queria ter a fé que ela demonstra e que aprende com ela. A personagem ensina que ninguém deve nos tocar sem que autorizemos, ensina e fortalece o respeito, a autoestima. É incrível a potência que ela tem”, declarou a atriz ao F5.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A estrela destacou que o folhetim segue atual por falar sobre temas como o racismo. “Ainda acontecem essas coisas num nível desumano. Hoje só mudou a forma de torturar as pessoas. Infelizmente, o desrespeito e a falta de humanidade ainda são muito vistos. Parece que a escravidão nem acabou”, avaliou a artista.

Bianca disse ainda que viver a mocinha a colocou “num degrau acima”. “Me trouxe reconhecimento no meio artístico que eu não tinha. Reconhecimento no Brasil e no mundo. Já havia feito duas protagonistas, mas a Isaura tem outro reconhecimento mundial pela história”, concluiu Rinaldi.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio