Assim como o Agno de A Dona do Pedaço, relembre os enrustidos das novelas

Publicado há um ano
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Com estreia marcada para o próximo dia 20, A Dona do Pedaço, trama das 21h de Walcyr Carrasco, não economizará nas polêmicas. Entre os personagens do enredo, o empresário Agno (Malvino Salvador) esconderá um segredo da família.

Casado com Lyris
(Deborah Evelyn) e pai de Cássia (Mel Maia), o profissional acabará colocando
um ponto final em seu matrimônio após todos descobrirem que ele é homossexual.
Assim como o moreno, relembre outros gays enrustidos da teledramaturgia.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Luccino (Juliano Laham) e Otávio (Pedro Henrique Müller) – Orgulho e Paixão (2018)

Otávio (Pedro Henrique Müller) e Luccino (Juliano Laham) de Orgulho e Paixão (Divulgação/TV Globo)

Na história
ambientada em 1910, início do século XX, o capitão Otávio foge de Lídia (Bruna
Griphao), mesmo sem saber por qual motivo não quer se relacionar com a jovem.
Ao conhecer o mecânico Luccino (Juliano Laham), o rapaz começa a ficar
apaixonado.

A dupla vive um
namoro em segredo, somente com alguns amigos sabendo da relação, já que a
homossexualidade era considerada um crime na época. No fim, alugam casas que
são próximas para poderem se visitar e viver a paixão.

Tolentino (Ricardo Pereira) – Liberdade, Liberdade (2016)

André (Caio Blat) e Tolentino (Ricardo Pereira) de Liberdade, Liberdade (Divulgação/TV Globo)

No enredo das 23h que
contou a história de Joaquina (Andreia Horta), Tolentino era um militar rude
que se apaixona por André (Caio Blat), melhor amigo da protagonista. O casal
foi responsável pela primeira cena de sexo gay da TV brasileira.

Entretanto, o final
foi trágico: André é enforcado sob a acusação do crime de sodomia e Tolentino
leva um tiro durante confronto com os rebeldes.

Cláudio (José Mayer) – Império (2014)

Cláudio (José Mayer) de Império (Divulgação/TV Globo)

Na novela de
Aguinaldo Silva, Cláudio trabalha como cerimonialista e é casado com Beatriz
(Suzy Regô). Secretamente, o homem possui um caso com o jovem Leonardo (Klebber
Toledo).

Téo Pereira (Paulo
Betti), jornalista fofoqueiro da história, descobre o affair e divulga na
imprensa. Enrico (Joaquim Lopes), filho de Cláudio, se revolta contra o pai e
fica um tempo o renegando. No fim, Cláudio assume a sua orientação e termina
com Leonardo.

Félix (Mateus Solano) – Amor à Vida (2013)

Félix (Mateus Solano) de Amor à Vida (Divulgação/TV Globo)

Filho de César
(Antonio Fagundes) e Pilar (Susana Vieira), Félix era casado com Edith (Bárbara
Paz) e pai de Jonathan (Thales Cabral). O personagem escondia a sua orientação
sexual e tinha encontros escondidos com Anjinho (Lucas Malvacini), jovem que
tentava emplacar como modelo.

Em certo momento da
trama, a homossexualidade do vilão é revelada para a família e ele passa a ter
uma transformação em suas atitudes. No fim, termina a produção ao lado de Niko
(Thiago Fragoso) e cuida do pai, que adoece e o aceita.

Thales (Armando Babaioff) – Tititi (2010)

Thales (Armando Babaioff) de Tititi (Divulgação/TV Globo)

No enredo das 19h de
Maria Adelaide Amaral, Thales aparece na metade da história como um empresário
do setor de roupas para surfistas, esporte que ele também gosta de praticar. Em
certo momento, faz um acordo com Jaqueline (Claudia Raia).

O moreno se casa com
a protagonista, mas acaba se apaixonando por Julinho (André Arteche),
cabeleireiro que ficou solteiro após o namorado, Osmar (Gustavo Leão), morrer
no início da trama. O casal termina junto, mas sem a esperada cena do beijo.

Júnior (Bruno Gagliasso) – América (2005)

Júnior (Bruno Gagliasso) de América (Divulgação/TV Globo)

Na produção de Gloria
Perez, Júnior era o filho da viúva Neuta (Eliane Giardini), que temia que o
herdeiro pudesse se desviar por causa da ausência de uma figura masculina na
família. O jovem escondia a sua homossexualidade e também o desejo de ser
maquiador e estilista.

Na reta final, o
rapaz se encanta por Zeca (Erom Cordeiro), com quem vive um romance em segredo.
Mesmo a platinada tendo gravado a cena do beijo entre os personagens, optou-se
por não levar a cena ao ar, para grande frustração da autora.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais