Assessora executiva do SBT, Maísa Alves chora ao falar de Silvio Santos

Publicado há um ano
Por Felipe Brandão
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Acostumada a atuar nos bastidores do SBT, a assessora executiva Maísa Alves permitiu-se vir um pouco para diante dos holofotes. Ela deu uma entrevista ao programa Lisa, Leve e Solta, apresentado no YouTube pela jornalista Lisa Gomes.

Funcionária do SBT há 38 anos, desde a época em que a emissora ainda se chamava TVS, Maísa recordou seu primeiro contato com o chefe, Silvio Santos, a quem declarou admirar profundamente.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Pra quem não sabe, ele pegou a concessão da TV Tupi, que tinha falido, e tinha a promessa de assumir algumas dívidas trabalhistas. Eu lembro que ele pediu uma reunião com os funcionários [vindos da Tupi]. E foi pessoalmente, num auditório improvisado, no departamento de jornalismo”, recordou.

“Quando eu vi o Silvio – ele tinha o cabelo bem vermelho, ‘cajuzão’ mesmo -, ele passou uma segurança tão grande… Tranquilizou todo mundo, falou que ia honrar o que havia prometido ao governo federal. Eu já era fã, a partir daí passei a ser muito mais”, confessou a comunicadora.

Amiga pessoal do Homem do Baú, Maísa foi pega de surpresa quando Lisa lhe perguntou sobre “o dia em que não tivermos mais o Silvio Santos”. “Não. (…) Desculpa. (…) Eu procuro não pensar. Acho que nem ele pensa”, disse, muito emocionada e mal podendo conter as lágrimas.

“A gente já conversou sobre essa possibilidade pro futuro, mas eu prefiro não falar porque é um assunto que… Eu sei que vai acontecer, talvez até comigo antes, mas… Na hora a gente vê. O legado dele vai ficar”, desconversou Maísa, já mais recomposta.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais