Ariadna, ex-No Limite sofre ataques transfóbicos após defender influencer: “Seus ataques não vão nos calar”

Participante ainda expôs os comentários de ódio

Publicado em 21/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Ariadna Arantes, ex-participante do No Limite foi alvo de ataques transfóbicos após defender a influencer Marcella Pantaleão em uma live na qual ela também sofria preconceito Ao tentar ajudar a amiga, ela mesma recebeu milhares de mensagens de ódio.

A influencer gamer fez uma live no sábado (19) e, segundo o site TV e Famosos, do UOL, Pedro “Buxexa” zombou do colega Bruno “Nobru” Goes e mesmo sem citar nomes diretamente, o comentário foi denunciado. Pedro foi desligado da empresa em que trabalhava e pediu desculpas. Porém Ariadna se posicionou e recebeu recados nada amigáveis.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Mas ela não deixou barato. Em seu Instagram, ela expõe as mensagens e desabafou nos stories: “Pra fechar o domingo, alguns milhares de HATERS me atacando porque sai em defesa a @ma.pantaleao pela TRANSFOBIA sofrida. Depois dizem que é MIMIMI. Haters seus fofos. Seus ódios e ataques não vão nos calar”.

Ariadna ainda disse que sofreu racismo e gordofobia e completou: “É muito triste que no século XXI, vem acontecendo esse tipo de ataque. Eu sinceramente fico chocada, porque uma pessoa que [pratique isso], porque transfobia é crime, homofobia é crime e no entanto, o cara errou e passaram a mão. (…) Quando acontece o racismo, quando acontece o preconceito, isso não afeta só uma pessoa. Afeta uma comunidade”.

A cobertura completa de No Limite você confere no Observatório da TV e em nosso canal no Youtube

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio