Após vitória contra Sikêra Jr., modelo trans tenta processar a RedeTV! em mais de R$ 100 mil, mas o canal se livra

A justiça entendeu que a vitória contra o apresentador foi o suficiente

Publicado há 17 dias
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A RedeTV! se livrou de ter que pagar 100 salários mínimos, equivalente a R$104,5 mil, para a modelo transexual Viviany Beleboni, que ficou conhecida após ter representado Jesus Cristo na Parada de Orgulho LGBTQ de 2015.

O juiz Vitor Frederico Kümpel, da 27ª Vara Cível de São Paulo, analisou que a vitória em primeira instância da famosa contra Sikêra Jr., apresentador do Alerta Nacional, já teria sido uma decisão sobre o caso, informaram os jornalistas Vinícius Andrade e Li Lacerda, do Notícias da TV.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em fevereiro deste ano, no momento que falava no programa sobre o caso de um casal de lésbicas que cometeu um homicídio, o apresentador colocou a foto de Viviany no telão. A justiça compreendeu que a honra da modelo foi atingida e que Sikêra extrapolou na liberdade de expressão.

Ainda na decisão, o Google foi obrigado a remover o vídeo do campo de buscas e o Youtube também. Nesse processo, Sikêra foi condenado a pagar R$ 30 mil para Belegoni. Na sequência, a modelo resolveu processar também o canal, mas teve o pedido negado.

Viviany pode recorrer da decisão, assim como Sikêra, que foi condenado em primeira instância. Procurada pelo portal, a emissora declarou que não comenta processos judiciais.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio