Apoio a Haddad? Globo se mobiliza para retirar tuíte de Monalisa Perrone “fake” do ar

Publicado há 2 anos
Por Clara Ribeiro
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No último sábado (27) um perfil atribuído à jornalista Monalisa Perrone, da Globo, postou um comentário no Twitter dizendo ser favorável a um dos candidatos à Presidência da República.

No tuíte em questão, a apresentadora do Hora 1 declarou que tomou a decisão de se posicionar politicamente. Uma das razões é que ela seria contra à “volta do militarismo”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Leia mais: Comentário de jornalista pega Monalisa Perrone de surpresa no Hora 1

Seguidamente, na mensagem, ela assumia o voto ao então candidato à presidência Fernando Haddad, do PT.

Não demorou muito para que a declaração fosse compartilhada por milhares de seguidores.

Entre os que a replicaram, estavam o próprio Haddad e sua vice na chapa, Manuela D’ávilla. Isso fez com que o post logo tomasse uma repercussão gigantesca nas redes.

Leia mais: Jornalista aparece mascarado e Monalisa Perrone leva susto no Hora 1

Colegas da Globo informaram que perfil era fake

Assim que perceberam a grandiosidade da fake news, alguns jornalistas colegas de Monalisa Perrone decidiram informar que o perfil que postou a mensagem era falso.

“Alerta Importante: minha colega e amiga Monalisa Perrone não tem nenhuma conta e perfil em nenhuma rede social. Portanto, é totalmente fake o perfil em que ela apoia um candidato Ajude a denunciar. Muito obrigado!”, postou César Tralli, âncora do SPTV 1ª edição, na Globo.

Christiane Pelajo, Elaine Bast, Roberto Kovalick, Sônia Bridi e Leilane Neubarth, foram outros nomes que alertaram os seguidores de que se tratava de uma notícia falsa.

Globo entrou em contato com Twitter

De acordo com o site Notícias da TV, a Globo tomou a decisão de tentar minimizar os efeitos da fake news, publicando em alguns de seus portais, G1 e O Globo.

Logo após, segundo a publicação também, advogados da emissora carioca entraram em contato com o Twitter para tentar retirar o comentário do ar.

Leia mais: Record TV exibe primeira entrevista exclusiva de Jair Bolsonaro

Com isso, os administradores da rede social desativou o perfil fake de Monalisa Perrone. Além disso, Haddad e Manuela, candidatos pelo PT à presidência e vice-presidência respectivamente, publicaram um pedido de desculpas à jornalista.

A saber, manifestações políticas de comunicadores contratados pelas organizações Globo são proibidas, de acordo com o novo manual de Princípios Editoriais da empresa.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio