Ao vivo, Luiz Bacci responde críticas de pai de Bel para Meninas

Jornalista leu trechos da carta ao vivo e disparou contra acusações de sensacionalismo

Publicado há 8 dias
Por Arthur Pazin
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O apresentador do Cidade Alerta, Luiz Bacci, respondeu, ao vivo, na edição da última quarta-feira (20), as críticas enviadas por Maurício, pai da youtuber Isabel, do canal Bel para Meninas.

Na carta enviada a todos os veículos de comunicação, o homem fala em sensacionalismo da imprensa e critica o jornalista do canal da Barra Funda pela série de reportagens que vêm sendo feitas sobre a polêmica envolvendo maus tratos com a garota.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O caso ganhou repercussão depois que internautas acusaram a mãe de Bel de pressionar a filha a gravar vídeos e produzir conteúdos que não conduzem com sua idade, explorando psicologicamente a jovem na intenção de se promover nas redes sociais.

O âncora do noticiário policial da emissora de Edir Macedo leu a carta durante a atração e comentou que a mensagem já começa de forma a ameaçar e intimidar as pessoas..

Em relação ao trecho em que Maurício diz que as “críticas, denúncias e acusações” são baseadas numa visão de mundo cheias de “inveja, ódio e preconceito”, Bacci se revoltou, disparando contra o homem.

Quem está com inveja desse canalzinho seu aí, filho? Você tem 1,3 milhão de seguidores no Instagram. Isso é o que eu tenho de views nos stories. Não tenho inveja nenhuma de você! Nós temos é preocupação com a Bel e sua outra filha. Ódio? Meu coração está superpuro. Preconceito do quê? Se eu tivesse preconceito com você, nem botava repórter na porta da sua casa para você falar”, questionou o profissional.

Em outro momento de leitura dos trechos, Bacci acabou perdendo a paciência e partiu pra cima do homem com as denúncias contra ele. “Não venha me medir com sua régua, porque exagero para mim é pegar uma criança, obrigá-la a comer uma porcaria de uma gororoba, fazê-la vomitar e dar risada porque isso atrai seguidores para o seu canal, e, dessa forma, você enche o seu bolso de dinheiro”

Exagero, para mim, não é mostrar e dar direito a ampla defesa para vocês. Exagero, na minha concepção, é você enfiar sal de frutas a seco na boca da sua filha para que ela passe mal, para que as pessoas deem risada de uma criança, ao que parece, segundo as denúncias, está sendo humilhada, constrangida, em troca de likes no YouTube para o pai e a mãe ganharem dinheiro”, alegou o jornalista.

Assista:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais