Angelo Paes Leme vive homem poligâmico na novela Gênesis

Branca Messina interpreta uma das esposas de Terá

Publicado há uma hora
Por Felipe Brandão
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Forte e confiante, a personagem Amat, vivida por Branca Messina, será uma mulher que vai enfrentar desafios na união com o destemido Terá, interpretado por Angelo Paes Leme na nova superprodução da Record TV, Gênesis 

Estreante em novelas, a atriz falou sobre a personalidade de Amat e não poupou elogios ao senso de coletividade da personagem.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Amat é uma mulher banhada na confiança, que transborda empatia e não desiste de doar o melhor de si, mesmo diante das dores mais profundas, além de cuidar de tudo e de todos que estão ao seu redor, não num lugar submisso, mas na certeza de que são uma rede“, destacou Branca. 

Apaixonada por Terá, um homem ambicioso e poligâmico, a personagem vai encarar desafios para conviver com outras mulheres. “Após o luto e a dor de ver o marido em outras relações, ela entende que as mulheres não são responsáveis pela escolha de Terá e decide ter um olhar empático sobre elas“, ressaltou Branca. 

Branca contou ainda que o casal vai gerar Abrão e que o filho vai ter os ensinamentos importantes da mãe como inspiração para a vida. “O exemplo é a melhor forma de ensinar, e Amat é a personificação da fé. Com isso, o filho vai herdar a devoção dela e propagar para o mundo“, disse a atriz. 

Dividida em fases, a novela é escrita por Camilo Pellegrini, Raphaela Castro e Stephanie Ribeiro, com direção-geral de Edgard Miranda. A estreia de Gênesis está marcada para 19 de janeiro, a partir das 21h.

Branca Messina como Amat em Gênesis (Edu Moraes / Record TV)
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio