Aguinaldo Silva ironiza críticas de Marco Pigossi a Fina Estampa: “Está na contramão do interesse dos telespectadores”

Pigossi estava numa live do canal GNT quando rechaçou a novela

Publicado há 3 meses
Por Cadu Safner
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Após a repercussão dos comentários negativos de Marco Pigossi sobre a novela Fina Estampa, o autor Aguinaldo Silva resolveu responder o ator, que hoje está fora da Globo. “Este ator está na contramão do interesse dos telespectadores“, disse ele com exclusividade a Fabíola Reipert, no Balanço Geral desta terça (11).

E continuou: “Uma novela é criada para agradar o publico em geral. Se a interpretação dele não alcançou os níveis desejados, aconselharia o ator a frequentar a minha casa de artes“, comentou Aguinaldo, referindo-se a sua escola, localizada em São Paulo.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Sobre dizer que detestava suas madeixas louras, é uma questão de estética dele. Sempre se pode ir ao cabeleireiro e fazer uma chapinha ou algo mais futurista“, ironizou.

Mais tarde, no Twitter

Aguinaldo Silva foi ao Twitter e continuou o assunto: “Um ator diz que Fina Estampa “devia ser proibida de ser reprisada”. Acho que ele quis dizer que os 50 milhões de espectadores que a veem deviam ser proibidos de gostar tanto da reprise da novela. E eu, que vivi os tempos da Censura, achando que finalmente era proibido proibir…

Aliás, deixem que lhes diga uma coisa: quando um artista que se considera libertário diz que o trabalho de mais de 150 pessoas que vivem das artes como ele devia ser proibido… Bem, alguma coisa está errada“, concluiu.

O contexto

Marco Pigossi participou de uma live do canal GNT , com o também ator João Vicente De Castro e relembrou alguns de seus trabalhos na televisão, entre eles a novela Fina Estampa, que atualmente está sendo reprisada pela Globo, às 21h.

O bate-papo aconteceu na sexta-feira (07) e o trecho sobre o folhetim de Aguinaldo Silva viralizou no Twitter na noite desta segunda-feira (10) por conta das duras críticas feitas por Pigossi ao ser questionado se tem vergonha de ver as cenas de trabalhos antigos.

O ator demonstrou desconforto com a forma como Fina Estampa aborda certos temas de forte impacto político. “Essa novela deveria ser proibida de ser reprisada, por que é tanta barbaridade, cara”, disse ele, que continuou: “Em 2011 era um tempo em que as pessoas ainda podiam se dar ao direito de dizer que não ligavam para política, era o começo dessa discussão”.

Marco Pigossi seguiu com sua opinião e falou até sobre o visual de seu personagem, o Rafael. “Eu tenho vergonha de algumas coisas que são faladas na novela, que são tratadas, de como são tratadas. Eu tenho vergonha um pouco também da minha atuação, tenho vergonha das minhas mechas loiras”, disse ele.

João Vicente De Castro também questionou Pigossi sobre sua primeira novela, Eterna Magia, às 18h, em 2007, que não foi tão bem em audiência. “Foi ótimo. Eu sempre falo que foi maravilhoso. É a melhor coisa, porque você não está preparado mesmo, você é um péssimo ator ainda. Eu era… Sei lá, tinha tanto pra aprender”, avaliou.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais