Publicidade

Saiba por onde anda Vítor Lucas, o Leonardo de Fina Estampa

Fora da TV, ator trabalhou como churrasqueiro e hoje é dono do próprio negócio

Vítor Lucas nos bastidores de Fina Estampa (Divulgação / Globo)
Publicidade

Quem está acompanhando a edição especial de Fina Estampa no horário nobre da Globo deve estar se perguntando – ou em breve estará – o que foi feito do ator Vítor Lucas. Na trama de 2011, ele interpreta Leonardo, filho mais novo da batalhadora Dagmar (Cris Vianna) e irmão de Leandro (Rodrigo Simas).

Sem ter conseguido novas oportunidades na telinha após o fim da obra de Aguinaldo Silva, Vítor fez de tudo um pouco. Hoje com 27 anos, casado e pai de duas filhas – um terceiro herdeiro está a caminho -, o rapaz trabalhou como pizzaiolo, cozinheiro, garçom e também como churrasqueiro no restaurante de seus tios – sua última ocupação antes de abrir a produtora audiovisual que hoje é seu principal ganha-pão.

Trabalhava das 8h às 21h [no restaurante dos familiares], era muito cansativo. Mas é legal poder conseguir ter essa versatilidade e aprender outras profissões. O trabalho de ator é muito instável e incerto. A gente precisa ter um plano B, uma segurança, e está preparado para tudo. O que não pode é parar, desistir. Todo o trabalho é digno. Não é porque eu fiz novela das 8, fui a ator global e tal. Acabou o contrato, a vida continua, hora de aprender outra coisa“, filosofou o bonitão, em entrevista ao jornal Extra.

Continua depois da publicidade

Não que a ‘transição’ tenha sido fácil para ele. “A gente vê casos de atores que saíram de novelas e entraram em depressão. Houve uma época, depois que a novela acabou, que eu passei por muita dificuldade porque eu não tinha coragem de arrumar um trabalho. Não tinha coragem de trabalhar com nada que tivesse relação com o público e que as pessoas me vissem, me reconhecesse e falasse: ‘Pô, o cara da novela está agora trabalhando como churrasqueiro…’. Houve, sim, da minha parte uma preocupação com relação a isso. Só que depois de um tempo, eu pensei que isso era uma bobeira minha, que eu tinha que usar isso a meu favor. Quanto mais as pessoas me reconhecerem, melhor para mim: ou eu vou vender mais, ou vou atender mais e servir de inspiração para alguns“, relatou ele, pai de duas lindas garotinhas de 4 e 2 anos.

Depois da fama, Vítor Lucas trabalhou como churrasqueiro em restaurante de familiares (Arquivo pessoal)
Hoje, ele é dono da própria produtora (Arquivo pessoal)

Publicidade
© 2020 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade