Publicidade

No Domingão do Faustão, Luís Miranda critica censura à cultura

Ator deixou claro que cada um tem direito de ver o que quer

Mateus Solano e Luís Miranda em participação no Ding Dong, no Domingão do Faustão
Publicidade

Neste domingo (23), Luís Miranda participou do Ding Dong, atração musical do Domingão do Faustão, na TV Globo. Ao falar sobre seu novo trabalho no teatro, o ator, que junto a Mateus Solano competiu contra Sandra Annenberg e sua filha, Elisa Paglia, aproveitou para criticar a censura à cultura.

Miranda ressaltou a importância de ter acesso à cultura e garantiu que um país não sobrevive sem cultura. “Um país não sobrevive sem cultura. Um país não sobrevive com censura.”

A gente tem que ter o direito de ver o programa que quiser, ir ao cinema assistir o filme que quiser, não se pode proibir um filme”, desabafou o ator, que foi interrompido por Sandra Annenberg, que lembrou também sobre a censura a livros.

Continua depois da publicidade

E ler o livro que quiser”, completou a jornalista, que foi seguida por Faustão, comentando que a não censura faz parte da liberdade da democracia. Em seguida, os globais foram aplaudidos pela plateia.

Publicidade
© 2020 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade