Publicidade

Ingrid Guimarães diz que perdeu papéis na TV por ‘ser feia’: “Me diziam que eu era exótica”

Atriz também se emocionou com mensagem de Heloísa Perrisé

Ingrid Guimarães participou do Arquivo Confidencial, do Domingão do Faustão (Reprodução/Globo)
Publicidade

Sucesso como a excêntrica Silvana Nolasco na novela das 19h Bom Sucesso, da Globo, a atriz Ingrid Guimarães foi homenageada no famoso quadro Arquivo Confidencial, do programa Domingão do Faustão deste domingo (27). Ela falou sobre o início difícil na carreira de TV por conta de sua falta de padrão de beleza.

Ingrid Guimarães teve de fazer uma cirurgia de prognatismo para corrigir um problema que tinha no queixo. Mesmo assim, ela perdeu vários papéis por não se encaixar no padrão. “”Ela perdeu um monte de papel, porque diziam que ela era feita. ‘Nossa, uma baita atriz, mas todo mundo diz que é feita’. Mas o não foi muito importante para ela”, afirmou sua irmã Sigrid Guimarães.

“Eu sou de uma família rara. Eu era prognata. Para quem não sabe, eu tinha o maxilar para frente. Isso te atrapalhava para falar, respirar, tudo isso. Eu cheguei aqui porque minha família me disse que eu tinha muito talento”, afirmou Ingrid Guimarães.

Continua depois da publicidade

“Quando fiz a cirurgia, foi difícil. Eu era adolescente, chegava aqui e me diziam que eu não era bonita, e sim ‘exótica’. Minhas irmãs, minha família, sempre me falaram que eu tinha talento, que ia chegar longe”, concluiu a comediante, muito emocionada.

Ingrid Guimarães falou também que só fez novela para agradar sua avó, grande apoiadora de seu trabalho. “Eu demorei muito para fazer novela, pra fazer televisão. Eu fiquei dez anos vivendo de teatro, e eu queria muito vir pra TV, fazer novela, para que ela me visse. Diz ela que atriz só é bem sucedida se fizesse novela… (risos)”, disse.

Publicidade
© 2020 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade