Lucero recusou papel de vilã em Cuna de Lobos: “Não estou na idade”

Publicado há 2 anos
Por Felipe Brandão
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Não vai ser dessa vez que os fãs de Lucero vão vê-la de volta às novelas mexicanas. De acordo com o site da revista People en Español, a eterna Chispita recusou o convite da Televisa para atuar na nova versão da clássica novela Cuna de Lobos (1987). Se aceitasse, Lucero viveria a célebre vilã Catalina Creel, papel de María Rubio na versão original.

Em bate papo recente com a imprensa mexicana, Lucero revelou o motivo pelo qual declinou de tão honrosa proposta: a idade da personagem. “Eu vejo Catalina Creel como uma mulher de pelo menos 60 anos. Ao menos isso é o que vi na versão original. Creio que ainda não estou na idade de fazer esse personagem. Mas acredito que a novela vai ser um grande sucesso. Afinal, a história é excelente”, mordeu – e assoprou – a estrela latina.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Aparentemente, a produtora executiva do remake de Cuna de Lobos, Giselle González, não pensa como Lucero. Os principais veículos de mídia do México já dão como certa a escalação da espanhola Paz Vega para o papel de Catalina Creel. E Paz, de 43 anos, é ainda mais jovem que Lucero, que tem 49.

A estrela mexicana, vale lembrar, está longe da Televisa desde 2012, quando estrelou a comédia Por Ela Sou Eva. Mais recentemente, ela esteve no Brasil para atuar em Carinha de Anjo. Agora, Lucero retornou na tarde de hoje (segunda-feira, 1º) à grade do SBT, como protagonista do grande sucesso A Dona.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio