“Humor que faz pensar”, afirma Marcius Melhem sobre o programa Tá no Ar

Publicado há 2 anos
Por Cadu Safner
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Sucesso na Globo desde 2014, o Tá no Ar continua com todo o fôlego, mesmo estando em sua última temporada. Para que a atração se tornasse o sucesso que é, Marcius Melhem revelou em entrevista a Folha, que foi necessário que a emissora carioca tirasse o jurídico da frente.

Leia também: Helena Fernandes volta à Rede Globo em Bom Sucesso, próxima novela das 19 horas

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O programa transformou o que a Globo tinha sobre o que diz respeito a liberdade de expressão dos seus profissionais. A sentença “se tornou injusta. Temos um diálogo aberto com o jurídico hoje”, afirma o humorista. “O que eu via como algo que nos impedia de fazer humor hoje é nosso melhor parceiro.”

Melhem afirma que muito do que é retratado no programa tem o aval de advogados. “‘Qual o risco?’, pergunto. E o jurídico diz: ‘Você tem menos chance de contestação’. O que antes era ‘pode ou não pode [falar]’ hoje é ‘como falaremos isso?’, diz, recusando a hipótese de censura. “Para mim não tem graça se não dialogar com o país. Não acho mais ou menos nobre que nada. Acho que o humor que faz pensar é tão nobre quanto o que te faz esquecer dos problemas. Mas o que me dá tesão pessoal é trabalhar dialogando com a sociedade. Tocando nos temas importantes”, conclui. 

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio