Atriz da série Assédio revela crise de pânico ao ler roteiro: “Medo de andar na rua”

Publicado há 2 anos
Por Clara Ribeiro
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Uma das protagonistas da série AssédioPaula Possani revelou ter sofrido com alguns sintomas desagradáveis só de ler o roteiro.

Ela nem tinha sido aprovada ainda para o papel de Eugênia, personagem principal do segundo episódio da trama, mas já havia percebido que o trabalho em questão seria “pesado”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Leia mais: Globo exibe a série Assédio e internautas resolvem falar sobre Bolsonaro

Uma das sensações foi taquicardia. “Meu coração disparou imediatamente. Aí eu fui estudar, ler na internet. Quando eu cheguei no depoimento da quinta vítima eu comecei a chorar, tamanho era a força e o impacto daquilo que eu estava lendo. Impossível não ser tocado por aquilo. E como atriz, você tem que permitir se tocar pelo universo da personagem”, contou em entrevista ao site Notícias da TV.

Assim que foi escolhida para fazer Eugênia, a atriz disse que continuou a se sentir mal e precisou se superar ao longo das gravações.

“Esse universo é muito dolorido. Comecei a sentir medo de andar na rua e fazer pequenas tarefas do meu dia a dia. Senti que tinha um grau a mais de medo e atenção em mim. Mas, para dar conta do trabalho, você é obrigado a desenvolver estratégias para entrar e sair desse universo sem se machucar demais”, ponderou.

Leia mais: Com Assédio, Globo reserva novas experiências ao GloboPlay

Eugênia é abusada sexualmente em Assédio

Com o sonho de ser mãe, mas casada com um homem vasectomizado, Eugênia recorre ao médico Roger Abdelmassih (vivido por Antonio Calloni) para fazer o tratamento de fertilidade.

A partir daí, iniciam-se os abusos sexuais partindo do especialista.

“Ela sofre abuso de vulnerável, porque está sedada quando é violada, e percebe que houve um abuso pelos rastros que ficam, mas ela tem que conviver com a angústia da dúvida. O abuso sexual dificilmente deixa provas materiais”, relata a atriz.

Leia mais: Antonio Calloni fala sobre seu personagem em Assédio: “Todas as cenas foram difíceis”

A saber, Assédio é uma série inspirada no livro A Clínica: A Farsa e os Crimes de Roger Abdelmassih, de Vicente Vilardaga. A produção dirigida por Amora Mautner conta alguns dos casos de vítimas do ex-médico, que foi acusado de abusar sexualmente de 39 pacientes.

Por enquanto, Assédio só está disponível para os assinantes da GloboPlay.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio