Após turnê em Portugal, Reynaldo Gianecchini e Ricardo Tozzi estreiam espetáculo Os Guardas do Taj, em São Paulo

Publicado há 3 anos
Por Cadu Safner
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Reynaldo Gianecchini e Ricardo Tozzi, junto aos diretores Rafael Primot e João Fonseca, realizaram uma première do espetáculo Os Guardas do Taj e lotaram o Teatro Raul Cortez, no Centro de São Paulo, no domingo (7). Após quase dois meses em turnê por Portugal, com grande sucesso, Gianecchini diz que a escolha por estrear no país aconteceu de uma forma muito espontânea e rápida, desde a escolha do texto que, de cara os arrematou, até a formação de equipe; “a vida quis assim, foi uma alegria do destino, na verdade a gente não programou muito”. Aliás, Gianechini faz questão de ressaltar que a peça além de questionar alguns valores sobre a amizade, é totalmente produzida por grandes amigos. E para quem não se lembra, Gianecchini, Tozzi e Primot trabalharam juntos em A Lei do Amor. Rafael Primot foi responsável também pela tradução do texto surpreendente, do americano com origem na índia, Rajiv Joseph.

Veja também: Reynaldo Gianecchini prestigia espetáculo da ex-mulher no teatro

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Com direção de Rafael Primot e João Fonseca, os temas centrais do espetáculo sobre dois guardas imperiais proibidos de olhar para o esplendor do Taj Mahal em sua inauguração, são a curiosidade humana, o capricho dos poderosos e a amizade entre dois homens. Além disso, quando os guardas são ordenados a realizar uma tarefa impensável, as consequências os obrigam a questionar os conceitos como amizade, beleza e dever, e os muda para sempre de maneira única e poética.

Amizade, lealdade, subserviência, poder. Qual o real sentido da vida e das relações? Quando a luz se apaga, qual a única beleza que nos resta? A jornada desses dois amigos nos questiona se vale a pena pagar um preço tão alto para manter a ordem estabelecida.

Com produção de Selma Morente e Célia Forte, através da Morente Forte Produções Teatrais, Os Guardas do Taj é um espetáculo sobre a amizade, os valores e as escolhas que fazemos. Vale a pena simplesmente fazer as coisas sem questionar? Obedecer à ordem estabelecida sem pensar? Será que há um caminho melhor para seguirmos? Esses dois amigos, tão diferentes entre si, acabam descobrindo o que realmente importa na vida e vivem as consequências de suas escolhas.

Eu e Tozzi somos amigos-irmãos. Como em qualquer boa amizade, há conflitos e atritos, mas logo estamos nos divertindo juntos, pedindo perdão.“, afirma Gianecchini.

Foi a primeira vez que estreei uma peça lá e adorei a oportunidade. Não pretendíamos realizar um trabalho juntos e, de repente, estávamos com o ensaio desta peça. Tivemos uma boa receptividade do espetáculo em Portugal e, agora, queremos ver como será o retorno por aqui.”, disse Tozzi.

Os Guardas do Taj estreia dia 13 de janeiro no Teatro Raul Cortez, em São Paulo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio