Publicidade

“Eu só vou por muito dinheiro”, diz Tati Quebra-Barraco sobre possível ida para A Fazenda 11

Publicidade

Uma das participantes mais pedidas pelo público para estar na próxima temporada de A Fazenda 11, reality show da Record TV, a funkeira Tati Quebra-Barraco, explicou suas condições para entrar no programa apresentado por Marcos Mion. E não são nada baratas.

Em entrevista ao TV Fama, da RedeTV!, Tati Quebra-Barraco disse que só aceita ir para o programa de confinamento por um cachê na casa do meio milhão de reais. A condição é muito acima do teto que a emissora pratica para convidar participantes para o reality.

“O pessoal quer me ver muito lá dentro, então eu preciso me valorizar”, explicou a funkeira. Até o momento, a cantora disse que não recebeu nenhum convite para participar do programa, mas não descartou que pode se sentar para conversar com a produção da emissora.

Continua depois da publicidade

“Até agora, eu não recebi nenhum convite. Eu posso sentar para conversar (risos). Mas o cachê é simples: R$ 500 mil. Tem que ser isso. Porque é muita exposição para muita coisa. Eu só vou por muito dinheiro”, concluiu.

A Fazenda 11 vai estrear no próximo mês de setembro

Contudo, A Fazenda 11 já tem data de estreia. Se nada mudar, o programa vai estrear no dia 11 de setembro. O reality show comandado por Marcos Mion busca nomes interessantes e fortes.

Segundo apurou o Observatório da Televisão, três nomes conhecidos estão conversando de forma mais forte com a direção do programa e podem entrar no confinamento. 

A reportagem soube que a funkeira Jojo Toddynho, a empresária Sylvia Desing e o DJ e ex-namorado da cantora pop Madonna Jesus Luz estão negociando com a produção do programa. Eles se juntam a Faby Monarca e Juju Salimeni, outros nomes que também conversam, como possíveis nomes para a atração de Marcos Mion.

Publicidade
© 2020 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade