Rafael Vitti defende o seu personagem em Verão 90: “Gente boa para caramba”

Publicado há 2 anos
Por Henrique Carlos
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O ator Rafael Vitti está de volta às novelas da TV Globo. Em Verão 90, o ator viverá o personagem João, ex-integrante do grupo Patotinha Mágica, que se torna sinônimo de sucesso e mania nacional. Mas os anos de fama e reconhecimento ficaram no passado assim como o término do grupo em meados da década de 80. Em 1990, João (Rafael Vitti) é universitário e comanda um programa de rádio para o público jovem. O rapaz vive desde pequeno um romance com Manuzita (Isabelle Drummond), fato que sempre incomodou seu irmão Jerônimo (Jesuíta Barbosa).

Leia também: Caio Paduan e Marian Moschen aparecem caracterizados para Verão 90

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em entrevista ao jornalista André Romano do Observatório da Televisão, Rafael contou que está animado com a trama, e com a música tema do seu personagem, que será Menino do Rio, de Caetano Veloso. “Primeiro que eu amo essa música e amo Caetano. Foi muito legal saber que essa música seria tema do meu personagem e eu já me sinto um pouco menino do Rio. A minha vida já é envolta por esse universo da praia, do sol, eu realmente vivo na praia. Eu acho que tem tudo a ver com o clima e minha energia. Eu não consigo ficar parado, é como a Claudia Raia falou, sou uma pessoa pipoca. Eu tenho dificuldades para terminar pensamentos, minha cabeça passa várias coisas. Mas eu acho que tem esse clima, esse personagem é um cara da praia, um cara solar, gente boa para caramba.”, contou o ator.

Personagem

Rafael ainda deu mais detalhes sobre o seu personagem logo depois. “Ele tem esse lado do mocinho de se pautar pela verdade, mas ele não é bobo como a Dira falou. Ele está ligado em tudo e isso é o mais legal, acho que todos os personagens dessa trama são muito bem defendidos pelos seus conflitos. Por exemplo o Jerônimo, o vilão, o que leva ele a fazer o que ele faz, é uma coisa que faz muito sentido para ele. Acho que a vida é assim, ninguém faz o mal pensando em fazer o mal. Mas os personagens proporcionam muitas situações que vão ser divertidas e conflitosas. Tem emoção, mas principalmente é muito leve. É uma novela para assistir se divertindo. O meu personagem é um presentão, de verdade, a gente sempre fala que é um presente, mas é mesmo.”, revelou o ator.

*Entrevista feita pelo jornalista André Romano.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio