Prestes a entrar em O Outro Lado do Paraíso, Julia Dalavia revela se teme desgaste da imagem

Publicado há 3 anos
Por João Paulo Reis
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Mal terminou sua participação na supersérie Os Dias Eram Assim, e Julia Dalavia já estava com trabalho novo. Ela estará na segunda fase da novela O Outro Lado do Paraíso, como Adriana, filha de Elizabeth (Gloria Pires), que no início da trama é interpretada por Lara Cariello. A jovem de 19 anos que ainda não começou a gravar suas cenas no folhetim, falou sobre a experiência de emendar trabalhos, e a sensação de ser tão requisitada para novas produções. Confira:

Leia também: Record acerta com reprise de Ribeirão do Tempo

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Como foi pra você a mudança de visual depois de Os Dias Eram Assim?

É sempre bom mudar, me dá esse impacto de terminar uma coisa e começar outra. Você se olha no espelho e se vê de outra forma, e já acontece uma associação com a personagem.

Mas nessa associação, você ainda consegue se reconhecer?

Eu tenho que aprender a me reconhecer aqui dentro. Claro que é mais personagem que a Julia. Eu estou adorando esse cabelo, porque é bem prático.

Você faz um trabalho atrás do outro. Você não tem medo de ter sua imagem desgastada?

Não estou pensando nisso agora. Quero trabalhar. Estou tão nova e com tanto gás e a fim de fazer o que eu amo, que é uma coisa que não penso. Agradeço porque estão surgindo trabalhos.

E você tem pego papéis fortes como em Velho Chico, Justiça e Os Dias Eram Assim. Como é essa personagem atual?

Não sei muita coisa. Ela é uma advogada, acha que a mãe morreu e cresce sendo criada pela madrasta e pelo pai. Depois vai ter esse reencontro com a mãe, que é a Gloria Pires.

Mesmo ela acreditando que a mãe é uma assassina?

Mãe é mãe. Se ela for uma boa pessoa, não tem como não desculpar. Ela quer restabelecer essa conexão porque na infância elas eram muito unidas.

É mais um drama. Como você está lidando com isso?

Na preparação estou tentando me esvaziar, me limpar do último trabalho e não pensar no drama, porque ele ainda não chegou. Quero começar limpa, para depois deixar vir essa carga dramática.

Qual o sentimento que você tem sendo uma atriz jovem e tão requisitada?

Me sinto muito feliz. É muito bom.

Por que você acha que está cativando tantas pessoas?

Não sei (risos). Faço com muita dedicação. Amo muito o que faço e sou grata e feliz por poder exercer o que amo. Coloco todo meu foco e energia ali, e fico emocionada com esse retorno.

Como é começar a novela entrando já no meio dela?

Tem isso. Eu já comecei em diversas fases de trabalhos anteriores, e quando acontece de entrar depois, é preciso dar uma corrida para chegar no ritmo do pessoal, mas ao mesmo tempo, eu acabo tendo um tempo de preparação maior. O elenco aqui é maravilhoso, cheio de gente fera como Gloria Pires, Fernanda Montenegro, Laura Cardoso, vou aprender muito.

Te deixa nervosa saber que vai contracenar com elas?

Sempre, minha pressão até cai (risos).

Você já pensou na maternidade, mesmo sendo tão jovem?

Não, ainda não pensei.

Como você consegue conciliar as gravações da novela com a sua vida pessoal?

Ah gente, é um trabalho, mas não um cativeiro, dá pra fazer as coisas e viver também. O último foi mais complicado porque eu estava numa dieta, inclusive já recuperei meu peso, era um trabalho diferente que eu precisava estar fisicamente focada, mas de resto é tudo tranquilo.

Você acredita que Os Dias Eram Assim foi um divisor de águas na sua carreira?

É difícil falar isso porque cada trabalho é um divisor de águas, então acho que existiu uma construção degrau por degrau.

*Entrevista feita pelo jornalista André Romano

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio