“Personagem tridimensional”, diz Mauricio Ochmann, astro da polêmica série “r”, da Paramount Network

R vai ao ar toda terça-feira, às 23h30, no sinal aberto nas operadoras Claro, Oi, Vivo e NEO TV

Publicado há 6 meses
Por Cadu Safner
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A Paramount Network estreou na terça (28) uma de suas produções mais aguardadas do ano, a série “r” (erre). Protagonizada pelo mexicano radicado nos Estados Unidos, Mauricio Ochmann (42), ator que integrou o elenco de El Clon (2010), da Telemundo, versão hispânica do fenômeno brasileiro O Clone (2001), “r” chegou na vida do ator como um grande desafio.

Em entrevista ao Observatório da TV, a astro contou sobre as transformações que a série trouxe para sua vida. Contada em 10 episódios, “r” trata-se da história de Franco, um homem de vida medíocre cuja realidade é alterada quando recebe, por engano, um diagnóstico de morte iminente.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Mauricio Ochmann vive Franco na série “r” (Reprodução: Paramount Network)

Questionado se diante da temática, em algum momento o fez pensar ou refletir sobre como você está vivendo a sua vida, Ochmann diz que não: “Vivo a minha vida no presente. Eu gosto de desfrutar deste processo e não este complicá-la.

Uma das coisas que me fez aceitar este projeto é a mensagem de que não é preciso esperar acontecer algo trágico na vida da gente para que a gente mude ou valorize a vida e realmente a desfrute“, diz ele, que hoje movimenta cerca de 8 MILHÕES de seguidores no Instagram.

A partir da noticia inesperada, o personagem de Mauricio Ochmannde transforma sua vida em um turbilhão de situações emaranhadas, loucuras e excessos.

Série “r” (Divulgação: Paramount Network)

Para tal, “r” traz muitas cenas de ação, mais do que se espera. E pelo trailer da produção, é possível tirar a conclusão. Ao site, o profissional informa ter se entregue profundamente às cenas.

Normalmente usa-se dublês para algumas cenas onde tem muitos riscos. Mas geralmente eu gosto de entrar na ação. Quando eu vejo que algo é muito arriscado, dai se tomam algumas medidas e os dublês entram em cena“, explicou.

Série “r” (Divulgação: Paramount Network)

Com mais de 15 trabalhos na TV, Mauricio Ochmann também tem outra produção em seu currículo já conhecido do público brasileiro: El Señor de los Cielos 2013-2015 (O Senhor dos Céus). Agora, encarnado na pele de Franco o ator poderá mostrar mais de sua versatilidade ao público.

Perguntamos qual será o tom de Franco na história. Se ele terá pinceladas de drama, comédia ou seguirá uma linha linear. O ator é enérgico: “É um personagem tridimensional, não é linear, zero linear. E este foi um dos fatores que me fez aceitar fazer o Franco. Por tantas matrizes, ele é um gerador de emoções e sensações, é muito interessantes, muito legal.”

Mauricio Ochmann (Reprodução)

Traumatizado pela notícia da morte, Franco decide se libertar e aproveitar o pouco tempo que tem. No meio dessa viagem descontrolada, Franco mata, em sua própria defesa, um poderoso negociante internacional de diamantes.

No dia seguinte, descobre que seu diagnostico estava errado e que ele goza de perfeita saúde. Mas Franco, agora, é um fugitivo da polícia, além de ter traficantes em seu encalço e de ter sido amaldiçoado por sua família.

Quantas mudanças, não? Ochmann afirma ser completamente diferente do personagem. “Somos muito distintos, ele é o oposto de mim, em enfrentar as coisas. O rico de ser ator é poder representar personagens que são muito diferentes de você e que te coloca em um lugar que você não pode estar [como pessoa física]“, disse.

Confira o trailer de “r”:

Sobre o Brasil

“Conheço São Paulo, Rio de Janeiro, Ilha Bela. Fui há muitos anos quando eu era pequeno. Conheço vários filmes brasileiros que eu gosto muito, na TV, além de O Clone, que eu não vi completa, eu gosto muito do que se produz no Brasil.”

Por que o público deve assistir “r”?

É uma série distinta, de multi gêneros, tem tudo, tem drama, ação, tragédia, humor ácido, é uma mescla de gêneros e o tons muito particulares. As pessoas vão se entreter!

Chamada de “r”:

Mauricio Ochmann se unem Paulina Dávila como Magali, Andrés Almeida como Francisco Barón, Jesús Zavala como Juan Vallarta, Valeria Vera como Natalia Romero, Yuriria del Valle como Erica, Marco de la O como Fidel, Ari Brickman como Lorenzo Langarica, Renato Gutiérrez como Pablo Barrón, Plutarco Haza como Eugenio Peralta,

Guillermo Quintanilla es San Clemente, Gala Montes como Clara Langarica, Lourdes Gazza como Ivana, Pakey é Tristán, Darío T. Pie é Eliseo Vega, Luis Fernando Peña é “El Conejo”, Axel Santos como Nacho Gallegos, Enrique Arreola é Carmona e Carolina Anzures interpreta a Brenda Barrón.

“r” vai ao ar toda terça-feira, às 23h30, no Paramount Network

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais