Mariana Xavier afirma sobre seu peso: “Se um dia me sentir infeliz com meu corpo eu emagreço”

Publicado há 4 anos
Por João Paulo Reis
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Mariana Xavier conversou com o Observatório da Televisão durante a coletiva de imprensa da nova novela das 21 horas, A Força do Querer, onde ela dará vida a Abigail, uma secretária executiva que não tem problemas com o seu peso, assim como sua intérprete. Nessa entrevista Mariana fala sobre o peso, sua trajetória como atriz,  sua personagem e sua auto-estima. Confira:

Fale um pouco sobre a sua campanha Gordelícias.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Eu, Cacau Protásio, Simone Gutierrez e Fabiana Karla fizemos essa campanha de autoestima que eu meio de brincadeira apelidei de Gordelícias porque um amigo meu me chamava assim, e isso virou o projeto de um livro. Então essa coisa do orgulho plus size, é algo que já vem me acompanhando há um tempo. A gente acaba usando o termo para facilitar a identificação mas dizem que pode soar preconceituoso porque quando você diz que um tamanho é plus você está instituindo um padrão, e a gente quer justamente quebrar esse padrão e que a diversidade exista também na questão da beleza.

O que você acha desse assunto ser tratado na novela das nove?

Estou feliz de poder trazer essa discussão para a novela das nove que ainda é o carro chefe da emissora e ainda tem esse brilho de ditar comportamentos e levar questionamentos para a sociedade. Como a Gloria Perez é uma autora que sempre trata questões polêmicas e esclarece coisas que são muito obscuras para uma parcela da população, é maravilhoso tê-la como aliada para falar desse tema.

Você acredita que as pessoas vão se identificar com sua personagem?

Muita gente vai se identificar. Fico brincando dizendo “Queremos ir para o top 10 da central de atendimento ao telespectador” e acho que existem grandes chances de acontecer porque é um público muito carente de referências, de representatividade. Eu recebo muitas mensagens de mulheres que dizem que se sentem mais estimuladas a se cuidarem, a irem a praia, a colocarem um biquíni depois de verem meu canal no Youtube por exemplo.

E você também costuma ir a praia de biquíni certo?

Vou sim claro, mas quando é uma praia que está cheia e sei que as pessoas vão me pedir fotos vou de maiô porque fico mais confortável. Não é porque eu me sinto bem com as minhas gordurinhas que eu vou postar uma foto toda cagada, toda dobrada afinal todo mundo tem o direito de procurar o melhor ângulo para a foto, o problema é quando você fica escrava da vaidade.

Você já foi escrava da vaidade? Deixou de fazer algo que queria?

Não me lembro de ter deixado de viver por causa disso, mas eu não fui gorda a vida inteira. Engordei aos 26 anos e sou o típico exemplo do que as pessoas não devem fazer pela ditadura da estética. Cheguei a tomar remédio pra emagrecer porque eu era massacrada por isso como milhares de pessoas ainda são, e acabei engordando mais quando parei de tomar. Tomei todas as porcarias que vocês imaginarem pra emagrecer, maltratei minha saúde e num dado momento falei: “chega”. Hoje em dia minha saúde é ótima. Isso não significa que eu esteja dando um atestado que vou ficar gorda para o resto da vida. A galera que gosta de metralhar a gente vai falar “Não era essa que dizia que era feliz gordinha? Daqui a pouco está fazendo bariátrica”, mas se em algum momento eu me sentir infeliz com meu corpo eu vou fazer o que eu tiver que fazer e dane-se se vão me julgar. Se eu tiver com problemas de saúde e tiver que fazer uma bariátrica eu vou fazer, mas hoje em dia eu não faria de jeito nenhuma porque é um procedimento muito radical que só se justifica pra quem realmente está com a saúde em risco, o que não é meu caso.

A Oprah disse que ela demorou a se olhar no espelho e agradecer as gordurinhas que ela tinha. Você também agradece?

Agradeço pela história que tive, e nosso corpo carrega nossa história. Não adianta achar que uma mulher que foi mãe, vai ter o mesmo corpo de quando ela tinha 15 anos, mas ela deu origem a outras vidas e isso é um motivo bom para que ela se sinta agraciada. Eu não trocaria a Mariana de agora pela Mariana com 30 quilos a menos porque sou um ser humano muito melhor hoje. Se fosse um passe de mágica era diferente, afinal, a vida é mais fácil dentro do padrão, e se me falassem que eu poderia vestir 40 sendo a pessoa que sou hoje, sem que isso me afete a saúde ou espiritualmente eu aceitaria, mas não é assim.

Você veste quanto?

Eu visto 46, as vezes 48, depende da loja.

Fala um pouco pra gente sobre sua personagem

O nome dela é Abigail e todo mundo a chama de Biga. Eu já chamo ela de “Biga, sua loca”. Ela é uma secretária executiva da empresa do Eurico (Humberto Martins) e do Eugênio (Dan Stulbach) e que é muito bem resolvida com essa questão do peso. Sei que ela vai virar modelo plus size em algum momento da trama, mas quando ainda não sei.

Você já sabe se ela vai se envolver com algum personagem?

Ainda não ouvi falar nada sobre par romântico, mas coloquei uma cláusula no meu contrato que só aceito se for magia (risos). Primeiro foi Otávio Martins em Além do Horizonte, depois foi André Loddi em I Love Paraisópolis. Só trabalho com gato! (risos)

Quem você gostaria? 

Tem algumas opções boas nessa novela mas não são do meu núcleo. Tem vários magias nessa novela como o Emílio Dantas, e o Pigato (Marco Pigossi).

Você ficou muito abalada pelo câncer da sua mãe? Isso te impediu de fazer alguma coisa?

Por causa do câncer da minha mãe, nos últimos meses me dediquei muito a acompanha-la e a minha rotina de alimentação e exercícios ficou prejudicada, mas não engordei muito. Faço exercícios muito mais pelo bem estar que me traz do que pra emagrecer.

Qual tipo de exercício você faz?

Eu amo dança, mas adoro variar porque me coloquei uma meta realista que é: Quero fazer exercício, qualquer que seja,  três vezes por semana. Fico alternando exercícios que é uma forma de  não desistir.

Como está sua mãe atualmente? Está curada?

Ainda não temos essa certeza. Temos no coração, mas ela terminou o tratamento dia 20 de fevereiro e vamos esperar até cerca de 2 meses pra ver se o tumor foi eliminado.

Você conhece alguma modelo Plus Size?

Conheço, a Fluvia Lacerda que é linda. A gente se conhecia pelas redes sociais e nos conhecemos pessoalmente e foi ótimo. Só estivemos juntas pessoalmente uma vez. Ficamos bastante amigas, apesar de não termos um convívio físico, nos falamos bastante, e ela é um grande exemplo pra mim.

Entrevista realizada pelo jornalista André Romano

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais