Galã de Espelho da Vida, João Vicente de Castro avalia o personagem: “Não é mocinho romântico”

Publicado há 2 anos
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Longe das novelas desde que viveu o vilão Lázaro de Rock Story (2016), João Vicente de Castro voltará ao ar em Espelho da Vida, trama das 18h que estreia dia 25 de setembro e que terá o ator como o protagonista Alain Dutra.

Leia: Saiba tudo sobre Espelho da Vida, nova novela das 18h

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“O que eu posso dizer é que eu estou bem feliz e muito ansioso. Na verdade, pouco importa ser o protagonista, ser o antagonista ou ter um papel pequeno na trama porque o que vale mesmo é fazer um trabalho para se orgulhar, para ter aquela sensação gostosa de dever cumprido”, afirmou o astro ao UOL.

Saiba mais: Escalada para Espelho da Vida, Luciana Vendramini evita falar do período que foi paquita: “Não me pertence mais”

O famoso revelou que gravava uma participação da segunda temporada da série Carcereiros, até que recebeu um telefonema de Fábio Zambroni, produtor de elenco que afirmou que tinha um projeto para oferecer.

“Quis saber o que era logo e ele de forma despretensiosa contou que seria uma novela no horário das 18h e que eu estava reservado como protagonista. Eu só respondi: ‘Não faça isso!’. Fiquei tenso e, hoje, eu estou em pânico. Ser galã é muita responsabilidade porque são pessoas envolvidas em um trabalho gigantesco”, avaliou o artista.

Mocinho diferente

“É a primeira direção geral do Pedro Vasconcelos como é que eu não vou cumprir com a expectativa dele? É a primeira novela que o fotógrafo Luciano Xavier assina sozinho e como é que eu não vou estar ali debaixo da luz dele representando esse profissional. Como é que eu não vou corresponder a expectativa da dona de casa cheia de problemas e ela só quer sentar ali de frente para TV e ver a sua novela das 18h?”, indagou o astro.

João destacou que o personagem não será um mocinho convencional. “Ele faz muitas besteiras. Erra e troca os pés pelas mãos porque é confrontado com um passado que o faz sofrer muito. Não posso dar spoiler, mas não é um mocinho romântico, que luta contra o mal. O Alain luta contra ele mesmo! Muitas queridas telespectadoras das novelas da 18h vão amá- lo, outras vão entendê-lo e outras não vão gostar dele. No entanto, todas vão gostar da novela”, concluiu Castro.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio