Filipe Bragança analisa romance de Benjamin e Letícia em Órfãos da Terra: “Polêmico e bem divertido”

Publicado há um ano
Por Greicehelen Santana
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Filipe Bragança é um dos grandes destaques de Órfãos da Terra, atual novela das seis da Globo. Ele interpreta o jovem Benjamin, que sabe tudo sobre informática e colabora com o Instituto de Boas-Vindas dando aulas para os refugiados.

Logo no começo da trama, o filho
mais velho de Aline (Simone Gutierrez) e Caetano (Glicério do Rosário)
nutria uma paixão platônica por Laila (Julia Dalavia). No entanto,
Benjamin superou essa fase e está desenvolvendo sentimentos pela Dra. Letícia
Monteiro (Paula Burlamaqui).

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em entrevista ao Observatório da Televisão, Filipe Bragança fez uma rápida análise sobre esse romance, já que a médica é bem mais velha do que o seu personagem. O ator também falou sobre a reta
final do folhetim, revelou projetos futuros e muito mais. Confira tudo a seguir:

O personagem

O que você tem em comum com o
seu personagem em Órfãos da Terra?

Um pouco da ‘nerdiçe’, já que
eu me considero um amante da cultura pop, e também o bom coração e o carinho
pela família
.”

Seu personagem é fissurando
por tecnologia. Você também é assim?

Não sou fissurado não. Gosto,
reconheço os avanços e a importância das tecnologias e obviamente eu uso, mas
tudo de forma bem equilibrada
.”

Em sua opinião, quais são os
prós e contras do mundo conectado?

Estarmos sempre conectados é exaustivo, nunca descansamos. Estamos sempre processando informações diferentes e acredito que isso ainda vá trazer problemas quando a minha e principalmente a geração após a minha, ficar mais velha. Mas é claro que as vantagens são indiscutíveis, como o acesso relativamente democrático à diversas informações e a conexão com alguém que pode estar do outro lado do mundo.”

Benjamin sabe tudo de tecnologia em Órfãos da Terra (Foto: Globo/Paulo Belote)

O que você pode adiantar em
relação ao futuro do Benjamin, já que em breve, ele encontrará um novo amor,
né?

Acabou de encontrar. Foi ao
ar recentemente o primeiro interesse dele pela Letícia, personagem da Paula
Burlamaqui
. É um romance polêmico e bem divertido e tem sido ótimo gravar
com a Paula
.”

Reta final da novela

A novela está já se
encaminhando para a sua reta final. Como está sendo se despedir do personagem?

Ah é uma sensação estranha. Essa
novela foi muito importante para mim por diversas razões. Às vezes dá a
sensação de que é para sempre, até por causa da rotina frenética de gravação.
Ao mesmo tempo que eu queria que fosse pra sempre, eu sei que não pode ser,
porque só é bom se tiver um fim
.”

Qual objeto da caracterização do
seu personagem você levará?

O óculos do Benjamim é meu, eu emprestei pro personagem.”

Filipe Bragança em cena como Benjamin em Órfãos da Terra (Foto: Globo/ Paulo Belote)

O que podemos esperar dessa
reta final de Órfãos da Terra?

Muitas surpresas.
Literalmente coisas que ninguém esperava
.”

Carreira e novos projetos

Você ainda é bem jovem. Mas
qual foi o seu maior aprendizado nessa profissão?

Bom, todos os dias eu aprendo
algo. Cada segundo atuando, fazendo uma cena, é muito valioso. Mas o maior
aprendizado talvez seja sempre se reinventar como artista, se dedicar
infinitamente porque a verdade é que nós, atores, nunca vamos ser bons o
suficiente. Pelo menos é assim que eu me sinto, e eu gosto
.”

Após a novela, quais são os
seus novos projetos?

Por enquanto nada é certo.
Mas a vontade de sempre navegar entre teatro, cinema e Tv continua
.”

Você é um ator completo: canta
e representa. Pensa em investir em musicais?

Fiz o musical Les Misérables em São Paulo, até ganhei o prêmio Bibi Ferreira de Melhor Ator Revelação por minha atuação. A experiência foi espetacular, gostaria de repetir.”

Filipe Bragança no palco pelo musical Les Miserábles (Foto: Marcos Mesquita/Veja SP)

Relação com a arte

Quem é o Filipe Bragança?

Filipe Bragança é um
sonhador, um apaixonado, um artista
.”

Como você descobriu o seu dom
para a arte?

O dom eu não sei exatamente,
mas a paixão pela arte veio de uma forma tão natural que desde que eu me
entendo por gente, eu amo a arte
.”

Você carrega a arte em seu DNA, né? Já que seu pai é bailarino; e sua mãe, atriz, né?

Sim, é genético. Mesmo que eu quisesse trabalhar com outra coisa, a influência dos meus pais já ditava o meu caminho.”

Ator Filipe Bragança (Foto: Divulgação/ Vinícius Mochizuki)

O que tira você do sério?

Várias coisas (risos). Mas principalmente a falta de humanidade nas pessoas, especialmente nos tempos atuais, tempos de muito ódio e intolerância. Pessoas que não reconhecem as inúmeras injustiças acontecendo AGORA, e não abrem mão de seus privilégios pra tentar criar um mundo um pouco melhor pra todos.”

*Entrevista feita pelo jornalista André Romano.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio