“É um mistério pra mim ainda”, afirma César Cardadeiro sobre o Hugo de Novo Mundo

Publicado em 15/06/2017

Lembrado pelo público especialmente por ter vivido o personagem Pedrinho entre os anos 2001 e 2004 no Sítio do Picapau Amarelo, César Cardadeiro está de volta à TV como o Hugo de Novo Mundo e conversou com o Observatório da Televisão sobre como está sendo a experiência.

Como é pra você voltar a fazer novela depois de algum tempo [a última trama de César foi a temporada de 2006 de Malhação]?

Tá sendo uma oportunidade maravilhosa. Porque o Hugo é um personagem misterioso e divertidíssimo de se fazer. Eu entrei num núcleo que é incrível de se trabalhar. Fui bem recebido e eu tô muito feliz, muito contente com a oportunidade.

Já sabe algo sobre o personagem, o que vai acontecer com ele na história?

O Hugo é um mistério pra mim ainda pra ser bem sincero. A única coisa que eu sei é que ele vem de Santos depois que a mãe dele morre pra tentar a sorte na cidade, na corte, aí ele começa a se envolver em algumas confusões e vamos ver no que vai dar, porque eu realmente não sei. Ele está se encontrando.

Ele irá se envolver com a Narcisa (Marcia Cabrita)?

Até onde eu sei não. Ele se envolve com todos e com ninguém ao mesmo tempo. Realmente eu não consigo saber, é um mistério.

Como é entrar no meio de uma novela?

É um desafio, mas do jeito que eu fui recebido pelo Vinícius [Coimbra, diretor da trama], pela Viviane [Pasmanter], pelo [Guilherme] Piva, pela Ingrid [Guimarães], acabou sendo uma delícia. Fui super bem recebido e consegui ficar tranquilo e estou tendo um suporte pra ir descobrindo esse personagem aos poucos. Acabou que tá sendo uma delícia, um desafio muito bom, um aprendizado.

“Tenho lido sobre depressão e bipolaridade”, afirma Vanessa Gerbelli sobre personagem em Novo Mundo

Como foi o reencontro com Isabelle [Drummont] e Dhu [Moraes, com quem ele trabalhou no Sítio]?

A gente já se falou bastante e é maravilhoso. Como se fossemos irmãos, a gente conviveu durante muito tempo e o afeto não termina, ele permanece o mesmo. A Dhu ainda não tive a oportunidade de conversar muito, só um pouquinho, e também é maravilhoso, reencontrar com elas aqui.

Está gostando do novo visual para a novela?

É bom mudar, eu acho divertido ficar com esse visual. Uma delícia.

Marcia Cabrita chega para somar no bem-sucedido núcleo de humor de Novo Mundo

As pessoas estão te parando nas ruas por causa do trabalho no enredo?

Muita gente ainda me reconhece como Pedrinho, mas também me reconhece por Capitu [minissérie de 2008]. Mas querendo ou não é um trabalho que tem mais visibilidade, é interessante, porque as pessoas começam a reconhecer um pouco mais, comentam que é bom, estão achando bacana, eu fico muito grato.

*Entrevista realizada pelo jornalista André Romano.