TV em janeiro; início de ano morno na televisão atesta que o público merece melhores opções

Publicado há 7 meses
Por Fábio Costa
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Mais um janeiro e, apesar de alguns lançamentos, as emissoras de modo geral não apresentaram nada de exatamente novo para seus telespectadores. A Globo atacou de The Voice Kids e algumas minisséries (uma das quais, O Auto da Compadecida, data de 21 anos atrás), além de uns poucos filmes. Em alguns dias estreia o BBB20, cujo nome já diz tudo: será a vigésima edição do reality show. O principal programa do SBT, comandado por Silvio Santos, exibe reprises até sabe Deus quando. Seus similares de auditório seguem na mesma, ou mesclando reapresentações com material inédito sem maiores novidades. Com efeito, nessa época do ano aqueles que têm essa oportunidade viajam para se divertir. Ou, no mínimo, saem para passear e passam mais tempo fora de casa, especialmente com o calor de verão. Todavia, para grande parcela do público a TV segue sendo a maior opção de lazer em qualquer época do ano. De maneira que, por isso mesmo, os espectadores merecem atenção ainda maior do que já tem ocorrido ano a ano na TV em janeiro. Antigamente, os mais velhos se lembrarão, a temporada de reprises ia até o final de março, começo de abril, principalmente na Globo, com as outras seguindo a trilha. Não é mais tempo para esse tipo de acomodação. A TV em janeiro deve ser tão quente quanto o clima da estação.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais