Volta do Pânico à televisão é ponto alto na estreia da TV Jovem Pan News

Programa humorístico e de variedades está agora em transmissão no rádio, TV e internet

Publicado em 28/10/2021 01:07
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A estreia da TV Jovem Pan News nesta quarta (27), transmitida na TV por assinatura, antenas parabólicas, canal no YouTube e app Panflix, teve seu ponto alto com a volta do Pânico à televisão.

O trecho em que o humorista André Marinho fez uma pergunta incômoda que irritou o presidente Jair Bolsonaro colocou a TV JP News entre os assuntos mais comentados durante todo o dia.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Jair Bolsonaro foi questionado por Marinho se ele achava que um “rachador”  — quem pratica “rachadinha”, que é a retenção do salário do funcionário por parte de políticos– deveria ser preso.

Eis o corte do programa com a discussão:

No debate entre os dois, o presidente Bolsonaro disse que o pai do humorista, o empresário Paulo Marinho, estaria interessado na vaga do senador Flávio Bolsonaro.

Explica-se: Marinho, o pai, é suplente do filho do presidente da República no Senado.

Pânico noturno

No fim da noite na TV, o Pânico ganhou reprise diária, às 23h, o que pode ser uma boa opção para os fãs que estavam órfãos do programa na tela desde sua saída da televisão – o programa deixou a TV Bandeirantes no final de 2017.

Desde então, está na rádio e também na transmissão com imagens pelo canal da Jovem Pan no YouTube.

Só que a atração comandada por Emílio Surita está bem diferente daquela dos tempos da Band.

Em meio a uma ou outra tirada de humor, deixaram a comentarista Ana Paula Henkel falando por longos minutos sobre assuntos na ordem do dia da direita dos Estados Unidos.

Ela se estendeu sobre um caso de estupro de uma garota numa escola da Virginia, nos Estados Unidos; sobre a crescente inflação do governo Joe Biden e fez reclamações sobre obrigatoriedade de vacina contra a Covid por lá.

Tanto ela quanto o comentarista Samy Dana também fizeram perguntas sérias sobre política e economia a Jair Bolsonaro.

Esta foi a segunda entrevista de Jair Bolsonaro na première do novo canal.

No início do dia, o presidente já tinha falado ao Jornal da Manhã da TV.

Entre outros assuntos, ele justificou que sua fala polêmica sobre a relação da vacina e transmissão da Aids tinha sido baseada em reportagem da revista Exame.

Diversidade de opiniões

A diretoria da TV Jovem Pan News havia prometido que o grande diferencial da nova emissora seria a variedade de opiniões.

O que se viu no primeiro dia foi um ótimo resultado para o maior desafio da emissora, que é fazer esta junção entre suas transmissões de rádio, TV e internet, permanecendo cada qual com suas particularidades.

Por vezes, TV e rádio têm entradas simultâneas de repórteres, e o que muda é o âncora.

Em alguns momentos, pelo menos na transmissão na TV por assinatura, houve falta de sintonia técnica entre som e imagem, com um delay mínimo porém perceptível na transmissão.

A programação está toda desenhada com os programas já consolidados na rádio. São eles: Jornal da Manhã, Os Pingos nos Is, Três em Um e Direto ao Ponto, além é claro, do Pânico.

Para alguns blocos, foram criadas atrações com exagero nos estrangeirismo: Top of Hour, Headline News, World News e JP Business são anglicismos meio desnecessários – basta observar que até a CNN Brasil coloca muitos dos títulos de seus programas em bom português.

Percebe-se que o tempo que a Jovem Pan veio treinando com o canal no You Tube deu a muitos de seus profissionais originários do rádio o treinamento necessário para a televisão.

Essa transição de plataformas não apresentou nenhum problema, aparentemente, com a maior parte de repórteres, comentaristas e âncoras perfeitamente adaptados à linguagem de televisão.

Alto escalão do governo

Além da ampla presença do presidente da República em dois momentos, outras figuras do primeiro escalão do governo federal apareceram em doses generosas de exposição ao longo do dia: Pedro Guimarães, presidente da Caixa Econômica Federal falou muito sobre economia sob uma perspectiva de bastante positividade.

O ministro da infraestrutura Tarcísio Gomes de Freitas também foi outro entrevistado, comentando sobre soluções para os caminhoneiros, que ameaçam fazer paralisação nos próximos dias.

À noite, no principal telejornal do horário noturno, a entrevista especial foi com Rogério Caboclo, presidente afastado da CBF.

Após denúncias de assédio por parte de uma funcionária da entidade, ele usou todo seu tempo para uma defesa emocionada de si mesmo.

No dia da estreia, dois pontos especialmente chamaram a atenção.

Em vários intervalos, a emissora exibiu na tela a mensagem de que “as opiniões de nossos comentaristas não refletem necessariamente a opinião do Grupo Jovem Pan”.

Outro detalhe, importantíssimo para se pensar na viabilidade do canal em televisão: a quase inexistência de patrocínios e intervalos comerciais ao longo da programação.

Diferentemente da emissora de rádio, um único grande anunciante teve presença de destaque: a marca de automóveis Caoa Chery.

** Informações e opiniões expressas nessa crítica são de total responsabilidade de sua autora e podem ou não refletir a opinião deste veículo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio