Sucesso da reprise de Avenida Brasil aumenta responsabilidade na escolha para o Vale a Pena Ver de Novo

Publicado há um ano
Por Fábio Costa
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em sua reprise no Vale a Pena Ver de Novo, lançada em 7 de outubro de 2019, Avenida Brasil já passou da metade e chegou a passagens memoráveis como o enterro de Nina (Débora Falabella) viva e Carminha (Adriana Esteves) sendo obrigada a servi-la como sua empregada, durante ausência do resto da família. Personagens que aparecem mais ou menos a essa altura, como Santiago (Juca de Oliveira), pai de Carminha, e Pilar (Betty Faria), mãe de Alexia (Carolina Ferraz), já figuram em nossos fins de tarde. No final de abril, ou até meados de maio, virá outra novela. Com índices de audiência bastante satisfatórios, para além da meta exigida na faixa, Avenida Brasil faz com que a responsabilidade da escolha de sua sucessora se amplie. Com efeito, o cartaz do Vale a Pena Ver de Novo sempre demanda determinados cuidados. Mas manter os números acima da meta e próximos dos 20 pontos, passando disso em certos dias, às 17h, será um ponto a resolver. E que foi bem resolvido, diga-se, com a exibição de Por Amor, que antecedeu o pessoal do Divino.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio