SBT erra com horário de Chiquititas e prejudica sua faixa de novelas infantis

Estratégia pode prejudicar a retomada das novelas inéditas

Publicado em 22/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O SBT acertou em cheio quando, em 2012, apostou na versão brasileira de Carrossel para reavivar sua teledramaturgia. Ao apostar em novelas de nicho, a emissora, que já tem um inegável apelo infantil, atingiu seu público-alvo em cheio. Um dos acertos foi o horário, às 20h30, concorrendo com o Jornal Nacional, da Globo. Ou seja, serviu como contra programação.

Porém, como sempre acontece no SBT, o horário das novelas infantis foi sendo empurrado para mais tarde. Atualmente, o cartaz é a reprise de Chiquititas, e a trama entra no ar às 21 horas. Parece uma mudança pequena, mas que pode fazer a diferença nos resultados.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Isso porque Chiquititas tem capítulos longos, e a novela sai do ar depois das 22 horas. Assim, ela concorre quase que totalmente com Império, da Globo. Mesmo a trama do Comendador não tendo emplacado no Ibope, ainda assim a novela é a maior audiência da TV brasileira. É uma concorrência complicada.

Além disso, Chiquititas encontra pela frente Gênesis, da Record TV, que vive uma ótima fase. Além das qualidades da produção, que tem apelo junto ao público da emissora, a novela ainda colhe os frutos por ser a única trama brasileira inédita em exibição. Enquanto isso, Chiquititas é uma novela surrada, que já está em sua segunda reprise.

Ou seja, há um erro de estratégia de grade. Caso fosse ao ar mais cedo, Chiquititas tinha condições de manter ao menos uma parte do público do SBT. Porém, indo ao ar depois das 21 horas, ela tem uma concorrência mais acirrada e poucas condições de virar o jogo.

De 2012 para cá, o SBT conseguiu consolidar sua dramaturgia infantil. As Aventuras de Poliana, última novela inédita do canal, atingia índices de audiência bastante satisfatórios. Já a reprise de Chiquititas derrubou a faixa. Isso pode causar danos irreversíveis à emissora, tendo em vista que a concorrência avança. Poliana Moça, quando estrear (“se” estrear, né?), pode ter problemas.

*As informações e opiniões expressas nessa crítica são de total responsabilidade de seu autor e podem ou não refletir a opinião deste veículo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio