Os Mutantes: nova temporada da novela se perde com “profusão” de criaturas

Tiago Santiago perde a mão de sua trama ao apostar em nova temporada

Publicado há 4 meses
Por André Santana
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Desde o início do mês, a Record TV está reapresentando Os Mutantes: Caminhos do Coração, espécie de “segunda temporada” da saga dos seres fantásticos criados por Tiago Santiago. A trama veio na esteira de Caminhos do Coração, que fez um grande sucesso nas noites da emissora em 2007. O bom desempenho fez com que o canal continuasse a trama, apostando mais ainda na fantasia e na ficção científica. Porém, o tiro saiu pela culatra, e Os Mutantes marcou o início da derrocada da novela.

Os Mutantes: Caminhos do Coração surgiu a partir da observação de que o público da novela aprovava os seres fantásticos, as cenas de batalhas e os efeitos especiais da história. Assim, nesta segunda temporada, Tiago Santiago abriu mão do folhetim tradicional para apostar numa ficção científica mais fantasiosa. Na nova fase, a doutora Julia (Ittala Nandi) rejuvenesce tomando um soro e se torna Juli (Babi Xavier), e suas experiências são descobertas pela humanidade. Assim, dá-se início a uma batalha entre humanos e mutantes, dividindo a opinião de todos. Enquanto uns acreditam que os mutantes devem ser exterminados, outros apostam na convivência pacífica.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Neste contexto, a “resistência” encabeçada por Maria (Bianca Rinaldi) e Marcelo (Leonardo Vieira) ganha o reforço do misterioso Valente (Marcos Pitombo), um viajante do tempo. Além disso, é revelado que as experiências de Juli contém tecnologia alienígena, e novos povos são apresentados ao público, como os reptilianos e os “homens-formiga”. Ou seja, nesta temporada, a dose ficcional ultrapassou todos os limites vistos numa novela brasileira até então. E funcionou até um certo ponto, se lembrarmos dos bons índices de audiência iniciais. Originalmente, a estreia de Os Mutantes enfraqueceu o início de A Favorita, novela das nove que a Globo lançava no mesmo período de 2008.

Remendos

Entretanto, o sucesso de Os Mutantes não se sustentou. O texto de Tiago Santiago se perdeu em meio a tantas informações mirabolantes. Além disso, o aumento do tom fantasioso e da ficção científica obrigou o novelista a criar remendos, já que explicações dadas na primeira temporada já não faziam mais sentido na temporada dois. Por exemplo: em Caminhos do Coração, as experiências de Julia eram recentes, e Maria era sua criação mais “velha”. Com a chegada dos alienígenas, a explicação mudou. Além disso, um dos mistérios da novela era quem matou Sócrates (Walmor Chagas). Um mistério que ganha nova explicação a cada momento, uma pior que a outra.

Com esta salada, Os Mutantes acabou abrindo mão de uma trama, e passou a apostar em intermináveis cenas de batalhas, com diálogos risíveis e efeitos toscos. Com isso, a novela tomou um rumo completamente atabalhoado e, aos poucos, foi perdendo público. Tanto que Tiago Santiago acabou propondo uma terceira fase, Promessas de Amor, tentando resgatar o folhetim tradicional. Mas não funcionou. E a saga dos mutantes, que começou muito bem, teve um final melancólico.

*As informações e opiniões expressas nessa crítica são de total responsabilidade de seu autor e podem ou não refletir a opinião deste veículo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais