O GloboPlay é uma realidade, mas e quanto aos colecionadores de DVDs de novelas?

Publicado há 9 meses
Por Fábio Costa
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O Grupo Globo investe cada vez mais na plataforma de streaming GloboPlay, que agora está disponível também para o público norte-americano. A obsolescência da mídia DVD, e da mídia física de modo geral, podemos dizer, não deve ter sido ignorada pela empresa ao decidir pela descontinuidade de seu projeto de lançamento de DVDs de novelas e minisséries globais. A saber, A Viagem, em 2017, foi a última novela da Globo lançada em DVD. O Canal Viva informou com exclusividade ao Observatório da TV que a novela de Ivani Ribeiro, escrita originalmente para a TV Tupi em 1975/76 e adaptada com a colaboração de Solange Castro Neves para a Globo em 1994, é uma das mais pedidas para reprise, ainda que isso já tenha ocorrido (em 2014). A Globo Marcas lançou 23 novelas em DVD entre 2010 e 2017. Só para ilustrar, a mais antiga foi a primeira versão de Irmãos Coragem (produzida em 1970/71), enquanto a mais recente foi Verdades Secretas (2015). Embora a edição seja sempre questionada e discutida, e não é viável comercialmente vender em DVD ou blu-ray uma novela inteira, que chega facilmente a mais de 100 horas de arte. De modo que os cortes são necessários e, quando bem feitos, são mais do que bem-vindos. Os colecionadores, e me incluo entre eles, merecem da Globo um pouco de atenção, já que ela “prende” conteúdos clássicos no acervo, sem exibi-los no Viva e, de três anos para cá, sem lançá-los no mercado para que os interessados possam adquirir DVDs de novelas cópias oficiais. Não seria nada mau retomar a venda dos boxes. A comunidade noveleira, por assim dizer, agradeceria.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais