Luana Martau colabora com seu talento para o bom resultado do núcleo cômico de Órfãos da Terra

Publicado há 2 anos
Por Fábio Costa
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Bastante conhecida por sua atuação no Tá No Ar – A TV na TV, Luana Martau já fez algumas novelas. Quase todas, a saber, com a assinatura de Duca Rachid e Thelma Guedes, a exemplo de Órfãos da Terra. Nesta última, a atriz entrou com a trama já estabelecida no papel de Latifa. Trata-se da noiva desejada por Mamede (Flávio Migliaccio) para seu neto mais velho, Ali (Mouhamed Harfouch). Afinal, Latifa é árabe como eles, ao passo que Sara (Verônica Debom), paixão do rapaz, é judia.

Do Oriente para o Brasil, Latifa encasqueta com o compromisso arranjado, questão de honra para ela em Órfãos da Terra

Ao chegar ao Brasil, Latifa despertou a atenção de muitos homens. No entanto, o pretendente Ali a agradou muito. De modo que ela se resolveu a cumprir o combinado e casar-se com o neto de Mamede. Só que ela chegou quando Ali e Sara já estavam mais do que apaixonados. Bem como estavam dispostos a enfrentar os preconceitos e impedimentos a seu romance. E viu que teria pela frente árdua batalha, caso realmente quisesse tornar-se esposa do rapaz. Além disso, Latifa não pôde contar com o apoio de Muna (Lola Fanucci), sua “futura cunhada”. Esta é “team Sara”, sem sombra de dúvida.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O casamento com Ali é uma questão de honra para Latifa. No entanto, seu temível irmão Omar (Miguel Nader) em breve chegará ao Brasil. A saber, sua intenção é lavar com sangue a honra da irmã, já que ela não se uniu a Ali conforme se esperava. Com toda a certeza, apesar do clima de tensão inicial essa circunstância pode gerar mais confusões.

Luana Martau é garantia de comédia de qualidade, e Órfãos da Terra reafirma isso

Exceto O Profeta (2006/07), estreia de Duca Rachid e Thelma Guedes como autoras titulares na Globo, Luana Martau fez todas as novelas das duas autoras até aqui. Viveu Patrícia em Cama de Gato (2009/10), Lady Carlota em Cordel Encantado (2011) e Cléo em Joia Rara (2013/14). Entre uma novela de Duca e Thelma e outra, Luana Martau também viveu a Beverly de Avenida Brasil (2012), de João Emanuel Carneiro. E Mirela, uma das melhores personagens de I Love Paraisópolis (2015), novela de Alcides Nogueira e Mário Teixeira, escrita com Tarcísio Lara Puiati e Vitor de Oliveira. Seu talento para a comédia fez com que Luana entrasse para a equipe do Tá No Ar, a qual Verônica Debom e Danton Mello, seus colegas de elenco em Órfãos da Terra, também integraram.

Ester (Nicette Bruno), Latifa (Luana Martau) e Abner (Marcelo Médici), de Órfãos da Terra (Reprodução)

Com toda a certeza, a harmonia mais do que comprovada de Luana e Verônica em cena, acrescida das presenças dos colegas de núcleo, faz com que o entrecho cômico-romântico que envolve o quadrado amoroso Israel-Palestina, que conta também com o judeu Abner (Marcelo Médici), seja um dos pontos mais positivos de Órfãos da Terra. Ademais, mesmo que as situações tenham começado a cansar um pouco, e por isso mesmo as autoras já casaram Sara e Ali, a honestidade com que tudo foi conduzido livrou a questão de se tornar maçante para o público.

*As informações e opiniões expressas nessa crítica são de total
responsabilidade de seu autor e podem ou não refletir a opinião deste veículo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio