Leve, Duelo de Mães convence mais pela apresentadora do que pelo conteúdo

Publicado há 4 anos
Por Philippe Azevedo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em noite de estreias, o SBT levou ao ar a segunda temporada de Duelo de Mães neste sábado (04). A atração que exibe a disputa entre duas mães de famosos na cozinha é apresentado por Ticianas Villas Boas. Na edição do primeiro episódio, Claudia Castanheira, a mãe do cantor MC Gui, duelou com Alessandra Vilela, mãe da cantora Ana Vilela. A mãe de Gui foi a grande vencedora do episódio.

Focando na culinária – formato que está em alta no Brasil após o Masterchef -, Duelo de Mães convence mais por ter Ticiana Villas Boas na apresentação do que pelo conteúdo. A apresentadora demonstra leveza e espontaneidade na hora de apresentar o reality, como o formato pede. Quanto ao conteúdo, a duração é suficiente para a ser um quadro.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Diferente de Operação Mesquita, que também pode ser um quadro, Duelo de Mães mostra mais força e criatividade do que a atração comandada por Otávio Mesquita para se sustentar como um programa solo. A fotografia com cores vivas e o clima descontraído entre Tici e os participantes convidam o telespectador a permanecer na TV.

Os programas Eliana e Domingo Legal teriam Duelo de Mães como um bom quadro. Porém, Tici Villas Boas, com sua apresentação impecável e humanizada, convence o telespectador de que o game trata-se de um programa solo.

*As informações e opiniões expressas nessa crítica são de total responsabilidade de seu autor e podem ou não refletir a opinião deste veículo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais