Fernanda Gentil: Globo lança novos apresentadores, enquanto veteranos perdem espaço

Publicado há 2 anos
Por André Santana
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Fernanda Gentil é o próximo nome da Globo a trocar o jornalismo pelo entretenimento. A apresentadora do Esporte Espetacular fará a mesma transição já realizada por Fátima Bernardes, Tiago Leifert, Zeca Camargo e Pedro Bial. Além disso, ela integrará uma lista de novos apresentadores lançados pelo canal nos últimos meses, ao lado de Lázaro Ramos, Sophia Abrahão, Fernanda Keulla, Vivian Amorim, Fernanda Souza, Luan Santana e Taís Araújo. Ou seja, a Globo está mesmo disposta a apostar em novos nomes no comando de seus programas de entretenimento.

O aumento do cast de apresentadores da Globo tem a ver com os novos espaços para programas de entretenimento abertos pela emissora. Com as atrações de temporada se revezando ao longo do ano, há um maior número de programas sendo produzidos. Deste modo, aumenta a demanda para apresentadores. Assim, para suprir esta demanda, a emissora tem apostado em atores, cantores, jornalistas e até ex-BBB’s nestes novos formatos.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Leia também: Gugu é condenado a indenizar ator da extinta TV Manchete

Lázaro Ramos estreou como apresentador da Globo no Lazinho com Você, no ano passado, e agora comanda Os Melhores Anos das Nossas Vidas. Enquanto isso, sua esposa Taís Araújo substituiu Fernanda Lima no PopStar. Paralelamente, a atriz Fernanda Souza e o cantor Luan Santana fazem uma dobradinha no musical SóTocaTop, outro lançamento de 2018. Já a atriz Sophia Abrahão ganhou a companhia das ex-BBB’s Vivian e Fernanda no Vídeo Show, numa vaga aberta quando Otaviano Costa deixou o vespertino para comandar mais um projeto “de temporada”.

Veteranos na geladeira da Globo

A renovação no quadro de apresentadores da Globo não deixa de ser uma movimentação bem interessante. Afinal, cada um destes novos nomes está à frente de um novo projeto, fazendo aumentar a variedade da programação. Assim, quem ganha é o público, que tem mais opções de entretenimento na telinha.

No entanto, a manobra tem um efeito colateral obscuro. Ao mesmo tempo em que o canal abre espaço para novos artistas, os veteranos têm ficado “esquecidos”. Regina Casé, por exemplo, está fora do ar desde o fim do Esquenta!. Falou-se que ela teria uma nova atração, mas o projeto acabou engavetado. Outra que segue sem perspectiva é Angélica. Desde o fim do Estrelas, fala-se que a loira terá um novo programa. Mas o silêncio em torno do projeto é algo fora do comum. Fernanda Lima segue no ar com o Amor & Sexo, mas perdeu espaço ao deixar o PopStar. Assim, fica no ar poucas semanas por ano.

Ou seja, não é por falta de espaço que estes veteranos estão com pouca ou nenhuma exposição. Afinal, se há espaço para o lançamento de novos apresentadores, também há de ter para os demais. Sendo assim, ao que parece, o que falta mesmo é vontade da emissora de tirar da geladeira nomes que tanto já contribuíram para a sua programação.

Leia também: Furo no retorno de Remy mostra fragilidade de Segundo Sol

*As informações e opiniões expressas nessa crítica são de total responsabilidade de seu autor e podem ou não refletir a opinião deste veículo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio