Episódio de estreia de Cidade Proibida exibido na TV é diferente da versão disponível no Globo Play; entenda

Publicado há 3 anos
Por João Paulo Reis
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Desde Supermax, a Globo adotou um estilo diferente para os lançamentos de suas séries: Primeiro os episódios são disponibilizados na plataforma de vídeos on demand da emissora, o Globo Play, posteriormente o mesmo conteúdo é visto na TV. Foi assim com Supermax, Justiça, Carcereiros (que tem estreia prevista na televisão somente em 2018), Dois Irmãos, Sob Pressão, e Filhos da Pátria.

Leia também: Cidade Proibida resgata clássica trama de detetive, mas tom machista soa antiquado

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Cidade Proibida, que teve sua estreia na telinha na noite desta terça-feira (26), diferente de suas antecessoras, ganhou um tratamento diferente: O episódio exibido na Globo, foi diferente do primeiro episódio disponível no Globo Play. Até aí tudo bem, afinal poderia ser apenas uma estratégia diferente por se tratar de uma série procedural (caso da semana), mas o que se viu veiculado pela emissora carioca em alguns momentos parecia uma colagem de cenas avulsas do episódio que deveria de fato ser o primeiro.

Zózimo (Vladimir Brichta) tem um sonho apaixonado por uma de suas clientes em Cidade Proibida (Reprodução)

O que se viu no Globo Play:

Na primeira cena, o detetive particular Zózimo (Vladimir Brichta) dentro de um cinema segue um marido adúltero e fala sobre o presidente que havia se suicidado recentemente (Getúlio Vargas), deixando claro aos telespectadores a temporalidade da série (década de 50).  O detetive então entrega provas da traição à sua cliente, uma mulher que ele imagina em seus braços. Posteriormente ele tem uma relação sexual com Marli, vivida por Regiane Alves (numa cena exatamente igual a que foi ao ar na TV Globo), ela pede que Zózimo lhe conte sobre seu último cliente, e ele mostra um jornal escrito: “Botou chifre na mulher e levou 6 azeitonas”.

Cena do Episódio Paula, de Cidade Proibida, veiculado pela Globo Play (Reprodução)

Depois numa cena no bar, ele apresentava os demais personagens, Paranhos (Ailton Graça) e Bonitão (José Loreto), contando um pouco sobre a história de vida pregressa de cada um deles.

Paranhos (Ailton Graça), Bonitão (José Loreto) e Zózimo (Vladimir Brichta), em Cidade Proibida (Reprodução)

O que se viu na Globo:

Na primeira cena, Zózimo atende a uma mulher (Débora Nascimento) e entrega a ela provas de que seu marido está tendo um caso com outro homem, frequentador do tênis clube local. Depois ele tem a relação sexual com Marli, só que nesta cena, o mesmo jornal entregue à prostituta apresenta outra manchete: “Escândalo Amoroso no Tennis Club”.

Cena do Episódio Lidia, de Cidade Proibida, exibido pela Globo (Reprodução)

Por tratar-se de um piloto de um produto tão diferente do habitual ao público do canal, as introduções corretas se faziam necessárias, e infelizmente as mesmas ficaram restritas aos assinantes da plataforma de vídeo, e possivelmente serão cortadas do episódio que tem Giovanna Antonelli como protagonista quando este for ao ar na TV. Para quem assistiu apenas pela televisão, pode ter ficado algumas dúvidas sobre os personagens, bem como a sensação de acompanhar uma história sem seu devido início.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio