Despretensioso, Power Couple diverte ao resgatar o reality show “raiz”

Atração da Record TV foge de temas sérios e diverte com "bobagens"

Publicado em 5/20/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

É possível fazer uma comparação entre o BBB 1, no ar no canal Viva, e a quinta edição do Power Couple Brasil, em cartaz na Record TV. Ambos parecem resgatar a “ingenuidade” do reality show, trazendo à tela personagens e situações que chamam a atenção pela casca prosaica.

Esqueça as artimanhas e as discussões sociais propostas pelo BBB 21. No Power Couple, assim como no BBB 1, o interesse é pelo jogo, pela picuinha e pelas discussões sobre o nada. Ali, os participantes não parecem interessados em fazer tipo para angariar seguidores. Pelo contrário. A maioria parece disposta a “causar”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Este desinteresse por temas mais, digamos, “profundos”, tem a ver com o próprio formato do reality show. Como os casais são submetidos a muitas provas e dinâmicas, eles se veem mais envolvidos com as estratégias de jogo. Assim, têm menos tempo para jogar com o público, já que precisam se concentrar no jogo interno.

Com isso, Power Couple se mostra uma diversão deliciosamente tosca. Os participantes já assumiram personas de heróis e vilões, mas não de maneira odiosa, como aconteceu no BBB 21. Na verdade, eles são quase caricaturas destas personas, o que garante o entretenimento descompromissado. Depois de um BBB com momentos pesados, a Record TV oferece momentos para “relaxar”.

Adriane Galisteu

Passadas quase duas semanas da competição, Adriane Galisteu mostrou que foi mesmo a escolha mais adequada para assumir o game. A apresentadora está totalmente à vontade em cena, sabendo seguir o roteiro com naturalidade, controlando bem a euforia dos participantes e comandando as provas com firmeza.

Dominando o palco da atração, Adriane já mostra que está pronta para desafios ainda maiores. A Record parece querer trazer alguém de fora para A Fazenda (claramente, a emissora busca um ex-Globo), mas, caso não consiga, a loira seria uma bela solução caseira. Fica a dica.

*As informações e opiniões expressas nessa crítica são de total responsabilidade de seu autor e podem ou não refletir a opinião deste veículo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio