Com pouco espaço no Encontro, Ana Maria Braga merecia mais atenção da Globo

Novo quadro da apresentadora mostra que seria possível um retorno do Mais Você

Publicado há um mês
Por André Santana
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Desde o início da pandemia, a Globo tem se mostrado muito prudente no trato com seus funcionários. A emissora tratou de suspender todos os seus programas de entretenimento, retomando aos poucos tempos depois. Neste contexto, apresentadores considerados do grupo de risco, como Pedro Bial, Serginho Groisman e Fausto Silva, começaram a apresentar seus programas de casa.

Mas Ana Maria Braga não conquistou o mesmo espaço. O canal optou por trazê-la de volta em pequenas inserções dentro do Encontro com Fátima Bernardes, reprisando receitas ensinadas em seus muitos anos à frente do Mais Você. Desde que o Encontro voltou ao ar, a parceira do Louro José tem alguns minutos para conversar com seu público, direto de sua casa, e deixar seu tradicional pensamento do dia.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O cuidado se justifica, afinal, Ana Maria Braga tem 71 anos e acabou de enfrentar um tratamento de câncer, o que a coloca num grupo de alto risco dentro da pandemia de covid-19. No entanto, é bastante questionável reduzir sua entrada no vídeo a um quadro do Encontro, considerando a trajetória de 21 anos do Mais Você. O programa é uma grife e uma marca poderosa.

Porém, o selo Mais Você foi deixado de lado, e a apresentadora comanda Receitas Especiais dentro do Encontro. Nesta semana, Ana apresentou ainda outra novidade, o Tempero de Novela, no qual ensina uma receita tendo como referência uma situação de uma novela na Globo. O novo quadro mostrou uma receita inédita, gravada na própria casa da apresentadora.

Não é uma reinvenção da roda, mas a novidade deu um novo gás às pequenas entradas de Ana Maria no Encontro. O quadro novo ocupou mais de 20 minutos do final do Encontro, trouxe conteúdo inédito e mostrou a apresentadora interagindo com convidados, mostrando que é possível fugir das já cansadas reprises.

Sendo assim, por que não apostar num retorno do Mais Você? O novo quadro mostrou que é possível fazer um Mais Você menor, mas com novidades. O programa poderia retornar todo gravado da casa de Ana Maria, ocupando cerca de meia hora da grade matinal da emissora. Seria uma maneira de manter viva a marca, que é vitoriosa, e, ainda, dar um espaço mais digno a Ana Maria.

A Globo tem produzido coisas muito boas remotamente. O Conversa com Bial vive uma de suas melhores fases, e o Altas Horas tem conseguido se manter relevante, mesmo com todos os percalços. Pois o Mais Você tem o mesmo potencial para acontecer, de maneira remota e com toda a segurança.

Mesmo que precise mesclar conteúdo inédito e reprise, um Mais Você menor e caseiro ainda seria a melhor maneira de manter Ana Maria Braga no ar, ativa e trazendo novidades. Sua imensa aceitação junto ao público e ao mercado publicitário justificaria o esforço. Ana merece seu programa de volta.

*As informações e opiniões expressas nessa crítica são de total responsabilidade de seu autor e podem ou não refletir a opinião deste veículo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais