Com Fernanda Lima e Rodrigo Hilbert, Bem Juntinhos é um conto de fadas pós-moderno

Programa do GNT é a idealização do par perfeito

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O casal perfeito existe e ele pode ser visto agora toda noite de quinta-feira (21h30) no canal GNT no programa Bem Juntinhos, com Fernanda Lima e Rodrigo Hilbert. É um chamando o outro de “amor” pra cá e pra lá o tempo todo em meio a convidados, numa espécie de talk show da vida conjugal dos sonhos.

Lindos, loiros, com carreiras bem-sucedidas e com herdeiros tais como os pais, os dois astros da televisão formam um casal que atende aos anseios de perfeição de nosso tempo.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Ela, uma mulher independente, talentosa, mãe, uma das apresentadoras mais bonitas da televisão e sempre pronta a um discurso inclusivo e aberto à diversidade. Ele, um homem bonito e exemplar, que pode no seu próprio programa tanto ensinar a fazer quitutes quanto a construir um forno.

Enquanto ela é a feminista feminina, ele é o homem em desconstrução e másculo. Com ambos unidos e num mesmo programa, não tem como dar errado!

Casais na TV

A TV brasileira ao longo de sua história tem sido farta na oferta de bons exemplos de uma vida conjugal idílica, de sonhos. Na vida real ou na ficção, sempre procurou despertar na audiência a admiração pela união feliz no trabalho e na vida matrimonial.

Há vários exemplos. O programa de variedades com o casal Airton e Lolita Rodrigues, Almoço com as Estrelas, ocupou os sábados de 1956 a 1980 na TV Tupi. Antonio Fagundes e Clarisse Abujamra fizeram o É Proibido Colar, um game show entre escolas na TV Cultura (1981/84).

Tarcísio Meira e Glória Menezes estrelaram o seriado de ficção Tarcísio e Glória (1988). No jornalismo, foram célebres os casais Leila Cordeiro e Eliakim Araújo (Globo, SBT, TV Manchete e CBS/Telenotícias). E, claro, houve Fátima Bernardes e William Bonner (14 anos juntos na bancada, na TV Globo).

Mais recentemente, foi a vez de Taís Araújo e Lázaro Ramos, por duas vezes estrelando séries: Mister Brau (2015 a 2018) e Amor e Sorte (2020, para o Globoplay).

Bem Juntinhos

O casal Fernanda Lima e Rodrigo Hilbert. Foto: Divulgação

Neste Bem Juntinhos, o mês das noivas, tradicionalmente conhecido como maio, chegou mais cedo. O episódio de estreia teve parte de sua surpresa adiantada na edição do Fantástico do último domingo. O programa mostrou que Rodrigo Hilbert não é somente o símbolo do par perfeito como ainda foi capaz de construir a própria capela onde se casou com Fernanda Lima.

A cerimônia, no melhor estilo caseiro, teve apenas a presença de funcionários do sítio do casal, três amigos convidados, mais os cachorros, e aconteceu em abril de 2020. A noiva chegou de canoa com os filhos gêmeos João e Francisco, enquanto o noivo a esperava na beira do lago com a bebê Maria no colo. Fernanda Lima explicou direitinho no Bem Juntinhos como tudo tinha sido feito à base do improviso – menos a filmagem, obviamente profissional.

A recomendação de faixa indicativa do programa no GNT é para 12 anos. Não tem mesmo nada a ver com o picante Amor e Sexo, o badalado último programa apresentado por Fernanda Lima na Globo.

Bem Juntinhos se passa num ambiente casa de campo, onde o casal titular recebeu a sempre muito falante Claudia Raia e o estilista Dudu Bertholini, recepcionados com coquetel preparado pelo anfitrião Rodrigo Hilbert. O tema da conversa: vida de casado.

Claudia Raia, que adora umas bodas – ela já se casou três vezes –, teve a primeira experiência aos 18 anos, com o então ator Alexandre Frota. Foi uma cerimônia marcada por exageros e exuberância, da qual ela relembrou detalhes hilários. Dudu Bertholini também contou sobre seu casório recente, numa celebração transmitida via internet para 200 convidados durante a pandemia. Também narrou uma pequena história dos casamentos através dos séculos.

Durante o talk show, que é mais conduzido por Fernanda Lima, mas completamente dominado por Rodrigo Hilbert, ele trata o tempo todo de manter os copos de todos cheios – e, sinal de cavalheirismo, sempre lembrando de encher a taça de sua partner em primeiro lugar.

Claudia Raia e Fernanda Lima clamam por casamentos mais igualitários, e Dudu fala de desconstrução e representatividade – enquanto é Rodrigo Hilbert quem prepara o almoço.   

Vem também a explicação sobre cada prato. A entrada foi de sopinha de alho poró com batatas e espetinhos de rosbife com molho de mel e mostarda. O prato principal foi moqueca de pupunha. De sobremesa, um bolo naked, massa pão de ló com baba de moça e nozes no recheio – sobremesa feita por Rodrigo Hilbert, com receita da avó dele.

Pra não dizer que não falei das flores, Fernanda Lima deu dicas sobre um buquê de casamento natural, montando ela mesma a peça. Dudu Bertholini ensinou como fazer um vestido de casamento a partir de uma simples camisola longa branca, sugerindo criatividade e alguns apliques. (Só faltou sugerir também coragem!)  

A atração tem direção de Mariana Lacerda e Pio Figueiroa (Piloto) e direção artística de Antonio Amancio. A produção é da Sofá Filmes e quem assina a produção executiva é Mel Mesquita (Sofá Filmes) e Renata Azevedo Figueira. Segundo a produção do programa, Bem Juntinhos foi filmado de acordo com todos os protocolos de segurança.

*As informações e opiniões expressas nessa crítica são de total responsabilidade de sua autora e podem ou não refletir a opinião deste veículo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio