Autores levaram uma novela inteira para tornar Sol Nascente interessante

Publicado há 4 anos
Por Endrigo Annyston
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os mais atentos devem ter percebido um aumento significativo na audiência de Sol Nascente nos últimos dias.

E o motivo não tem somente a ver com a reta final da novela, escrita por três autores e que no geral é um fracasso em relação à história anterior, Eta Mundo Bom!, que ultrapassava a casa dos 30 pontos.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A máscara de César (Rafael Cardoso) caiu e o vilão, que já estava se destacando desde os momentos de loucura que culminaram na morte de João Amaro (Rafael Zulu), passou a chamar atenção tanto quanto Sinhá (Laura Cardoso).

Anteriormente, a megera que se passa por boazinha era apontada como a única salvação do enredo, que recebe inúmeras críticas negativas.

Dentre elas, envolvendo Francisco Cuoco. De onde tiraram que o personagem dele fala italiano? O veterano está tão fake quanto Luís Mello como japonês.

Mas o problema no fato de Sol Nascente somente agora reagir é um só: não escapa de terminar como um dos piores resultados das 18h.

Oscilar entre 20, 24 pontos, tem sido normal na faixa, porém, esses números pertencem a uma trama muito criticada e que ainda sucedeu um sucesso.

Sonia Abrão faz milagre na RedeTV!

Ou seja, Sol Nascente sai do ar sem deixar saudade, mas os próximos capítulos prometem fisgar uma parcela ainda maior de público: vem aí um novo e último embate corporal entre César, Alice (Giovanna Antonelli) e Mario (Bruno Gagliasso), e Sinhá desmascarada. Por isso, a velhinha malvada resolve agir por contra própria e sequestra Tanaka. A conferir.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais