Após anos “escondido” no SBT, Roberto Cabrini se torna trunfo na Record TV

Jornalista se destaca à frente de grandes matérias no Domingo Espetacular

Publicado há um mês
Por André Santana
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Desde a semana passada, o jornalista Roberto Cabrini responde pelo quadro A Grande Reportagem do Domingo Espetacular, da Record TV. Ele volta ao posto que ocupava até 2009, quando deixou a emissora rumo ao SBT, onde comandou o Conexão Repórter. A boa audiência e repercussão da reestreia de Cabrini revela que a Record é uma vitrine de maior alcance para as ótimas matérias do profissional.

No domingo (29), o Domingo Espetacular exibiu uma matéria de Roberto Cabrini sobre a investigação do caso Tatiana Spitzner, que morreu ao cair do quarto andar de um prédio no Paraná. Com a reportagem, o dominical tornou-se o programa mais visto da emissora no dia, à frente até mesmo do hit A Fazenda.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Enquanto isso, o Conexão Repórter ficou no ar por anos no SBT sem grandes resultados de audiência. Era um excelente programa, que colecionou muitos prêmios de jornalismo e agregou bastante prestígio ao canal de Silvio Santos. Várias das matérias investigativas realizadas por Cabrini na atração repercutiram e desencadearam ações.

Entretanto, a audiência do programa sempre foi mediana. E muito por culpa do próprio SBT, que nunca pareceu confiar muito no potencial da atração. Em seus anos no ar, Conexão Repórter sempre foi exibido em horários ingratos. Quando estreou, em 2010, ia ao ar no final das noites de quinta-feira. Depois, em 2015, ganhou um espaço aos domingos, após o Programa Silvio Santos. Em 2018, passou para as noites de segunda-feira. Ou melhor, madrugadas de terça.

Nesta trajetória, Conexão Repórter teve seus melhores momentos em sua passagem pelo fim das noites de domingo, no qual herdava a boa audiência do Programa Silvio Santos. Mesmo assim, devido ao horário avançado, tinha resultado modesto. O que era compreensível, já que a madrugada de segunda-feira tem um teto de audiência.

Enquanto isso, na Record TV, Cabrini ganhou um espaço no horário nobre das noites de domingo, onde bate de frente com o antigo “patrão”, que atualmente exibe reprises. A tradição em jornalismo da Record e sua disposição em apostar em grandes reportagens no horário nobre fizeram com que Roberto Cabrini se tornasse um importante trunfo em sua programação.

E o reforço chega em boa hora. Afinal, o Domingo Espetacular alardeou uma reformulação em 2020 que se revelou apenas “plástica”, com a mudança de cenário e a chegada de Carolina Ferraz. A chegada de Roberto Cabrini faz parte de uma reforma de conteúdo, que era o que a revista eletrônica da emissora precisava. Agora sim, a atração está no caminho certo.

*As informações e opiniões expressas nessa crítica são de total responsabilidade de seu autor e podem ou não refletir a opinião deste veículo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio