Em Verão 90, Marina Moschen tem personagem bem diferente da anterior e mostra versatilidade

Publicado há um ano
Por Fábio Costa
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em poucos anos de carreira na televisão, Marina Moschen já teve personagens bastante distintas e que possibilitaram à atriz demonstrar seu talento e sua versatilidade. Verão 90, na qual interpreta a patricinha Larissa, é sua terceira novela. Isso se não contarmos sua estreia em Malhação – Seu Lugar no Mundo. Ela foi a protagonista Luciana nessa temporada, exibida entre 2015 e 2016.

Larissa: da patricinha iludida à consciência do que mundo que a rodeia em Verão 90

Larissa (Marina Moschen) e Quinzinho (Caio Paduan) em Verão 90 (Divulgação/TV Globo).

No início de Verão 90, Larissa era noiva de Quinzinho (Caio Paduan), o herdeiro dos Ferreira Lima. Ela também pertence a uma família muito rica, os Castro Gomes, e a união dos dois jovens através de um casamento seria natural e benéfica para os dois lados. No entanto, o rapaz nunca foi dos mais apaixonados e fiéis noivos, tendo já de saída um caso com Nicole (Bárbara França), principal VJ de sua emissora musical, a Pop TV. Um pouco alienada e fácil de enganar, Larissa sempre foi presa fácil da arrivista Vanessa (Camila Queiroz), que se aproximou dela para se aproveitar da amizade com uma moça tão rica.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A aproximação de Diego (Sérgio Malheiros), jovem negro com quem passou um tempo às turras, sua confusão sentimental sendo confundida com uma resistência racista a maiores contatos com ele, fez com que demorasse para que esse novo casal enfim se formasse. A saber, Quinzinho a essa altura já estava mais do que encantado pela dançarina Dandara (Dandara Mariana), coincidentemente também negra.

A ficha cai para Larissa

Larissa (Marina Moschen) e Diego (Sérgio Malheiros) de Verão 90 (Divulgação/TV Globo)

Embora em seus primeiros contatos com Diego a moça rica já
tenha sido testemunha de injustiças de cunho racista para com ele, Larissa
demorou um pouco a entender de fato o quão enraizada em nossa sociedade está a
prática do preconceito de cor. No entanto, as dificuldades de seu namoro com
Diego, motivadas também pelo preconceito social, já que ele é pobre, têm feito
com que a patricinha cada vez mais se conscientize de como as coisas funcionam.
Seu irmão Candé (Kayky Brito) é verdadeira pedra em seu sapato, e até vitamina de
banana em documentos importantes para o trabalho de Diego como advogado já
derramou, por prazer de ver o circo pegar o fogo. Todavia, foi o mesmo Diego
quem o socorreu quando Candé fora preso em virtude de negociatas escusas feitas
junto com o pai.

Com efeito, Larissa representa o oposto de Janice (Cláudia Ohana), mãe de Diego, no tocante ao tratamento da questão do preconceito. A irmã de Janaína (Dira Paes) há mais de 20 anos vive um casamento com um homem negro, Otoniel (Val Perré), e já passou por poucas e boas. Larissa temia o futuro que poderia ter ao lado de Diego, ela que sempre viveu rodeada de luxo e num mundo cor-de-rosa. Todavia, especialmente depois da prisão de Candê e das dificuldades financeiras que se abalaram sobre sua casa, a moça começa a entender que existe todo um mundo à parte, do qual não tomava conhecimento por variados motivos. E ao qual pode e deve se integrar, com valores que vão além do poder do dinheiro na vida das pessoas.

Marina Moschen é uma promessa da nova geração da teledramaturgia

Segura em cena, bonita, Marina Moschen tem ascendido rápido nas novelas da Rede Globo. E com toda a justiça. Particularmente a Selena de Deus Salve o Rei (2018), de Daniel Adjafre, também às 19h, apresentou a atriz num papel que cresceu com o desenvolvimento da história. Com efeito, esse crescimento se deve em boa medida ao trabalho da intérprete, que terminou rainha da Lastrilha, um dos reinos cujos destinos estavam entrelaçados na trama.

Numa novela com tantos furos cronológicos, cenográficos e textuais como Verão 90, Marina Moschen é um destaque positivo. Que sua carreira apresente tantas boas oportunidades no futuro quanto tudo indica que de fato apresentará.

*As informações e opiniões
expressas nessa crítica são de total responsabilidade de seu autor e podem ou
não refletir a opinião deste veículo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais