Mais do que você gosta.
Assine o Star+
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Poliana Moça

Poliana Moça: Antônio e Dona Branca realizam o sonho em voar de paraglider

Dona Branca e Antônio estavam com medo de saltar e André tira fotos deles

Publicado em 20/04/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

No capítulo de “Poliana Moça” que foi ao ar na última quinta-feira (14) no SBT, Dona Branca (Lilian Blanc) e Antônio (Jitman Vibranovski) pulam de parapente. A aventura é incentivada por André (Thiago Franzé), sobrinho-neto que acaba de chegar da roça para morar com os parentes enquanto cursa a faculdade.

“O relacionamento conturbado entre Dona Branca e André é um exemplo de tantos atritos entre gerações diferentes que vemos no nosso dia a dia. E a solução para esses conflitos, na minha opinião, é a troca de experiências. Pulando de paraglider, Branca e Antônio embarcam numa aventura mais ousada e arriscada. Desse modo, se aproximando mais do estilo despojado e despreocupado do André. E assim, podendo entendê-lo melhor. Por outro lado, em tantos outros momentos da novela, a Dona Branca que irá incentivar o André a agir de uma maneira mais cautelosa e empática” declarou Thiago.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Para a atriz Lilian Blanc, essas mudanças vão interferir muito na vida de Dona Branca “A partir do momento que ela salta, ela larga a bengala, ela se desfaz desta bengala, que na verdade, era só uma grande mentira, porque ela sempre foi uma pessoa com boa saúde, já que a gente viu isso nas aulas de dança. Ela usava a bengala mais para fazer de conta para as netas que ela estava doente, porque ela queria se aproveitar delas, para que elas fizessem o trabalho em casa”.

O ator Jitman Vibranovski perdeu a sua mulher faz um mês, depois que ela teve encefalite durante uma internação. Ele conta que a história de seu personagem se assemelha ao amor que viveu.

Dona Branca e Antônio estavam com medo de saltar “Fotos: Lourival Ribeiro/SBT”

“Eu conheci essa minha esposa, eu com 61 anos e ela com 59. É muito parecido, muita coincidência com a Branca e o Antônio. E nós vivemos 16 anos de uma vida fabulosa, tivemos muitas viagens, projeto artístico, político, social, cultural… A gente tinha uma paixão pela vida o tempo todo”.

Feliz por retornar as gravações após a perda, Jitman diz ser bom voltar ao trabalho, mas reconhece a dor. “Fazer a Branca e o Antônio neste momento é maravilhoso. Está sendo bom, mas está muito difícil, porque era a minha vida. Parece que copiaram da minha vida a Branca e o Antônio. Nós nos conhecemos exatamente assim, com 60 anos” concluiu o ator.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....