Vacinada, repórter da Globo nos EUA tira máscara pela primeira vez e se emociona ao vivo

Raquel Krähenbühl, correspondente na Casa Branca, dispensou item de proteção por estar imunizada

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A jornalista Raquel Krähenbühl, correspondente da Globo nos Estados Unidos, realizou um sonho que os brasileiros só poderão imitar daqui a alguns meses. Nesta quinta-feira (13), no canal pago GloboNews, a repórter tirou a máscara de proteção contra o coronavírus pela primeira vez em um ano e se emocionou com a “dose de liberdade”, como descreveu a sensação em sua rede social.

“Os Estados Unidos começam a voltar à normalidade. Vou fazer agora uma coisa ao vivo, que a gente está querendo fazer há muito tempo. Pela primeira vez, eu posso tirar minha máscara para entrar ao vivo aqui direto dos Estados Unidos. É até emocionante, Cecilia, porque foi um ano muito difícil, mas graças à vacinação isso é possível”, disse Raquel em frente à Casa Branca (residência oficial do presidente norte-americano), em Washington, durante o telejornal Edição das 16h.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A apresentadora Cecilia Flesch também se comoveu com o ato da colega e a parabenizou quando ela contou estar vacinada contra a Covid-19.

“Isso é possível porque eu estou completamente imunizada, como 35% da população aqui dos Estados Unidos. O presidente Joe Biden também veio comemorar agora e veio dar essa boa notícia, e ele falou assim para as pessoas: ‘Se você está completamente vacinada, pode tirar sua máscara. Você merece isso’”, completou a correspondente.

Mais tarde, a repórter Carolina Cimenti, correspondente em Nova York, também tirou a máscara e ainda passou batom ao vivo na GloboNews para comemorar. “Há muito tempo eu não conseguia passar um batom direito porque máscara e batom não combinam, mas agora a gente pode dar mais esse passinho para a volta da normalidade”, disse a jornalista, completamente imunizada contra a Covid-19.

No Brasil, os repórteres aparecem na TV usando máscaras desde maio de 2020 e só poderão tirá-las quando a pandemia de coronavírus estiver controlada, com boa parte da população vacinada (até a última quarta, apenas 8,8% dos brasileiros tinham tomado a segunda dose do imunizante).

Assista abaixo à cena histórica da jornalista Raquel Krähenbühl na GloboNews:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio