Mais do que você gosta.
Assine o Star+
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Pretos no topo

Repórter esportivo da Globo, Luiz Teixeira é promovido e estreia como apresentador

Jornalista de 34 anos passa a integrar rodízio do telejornal SporTV News

Publicado em 04/06/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Destaque da cobertura esportiva da Globo em São Paulo, o repórter Luiz Teixeira teve seu empenho reconhecido e foi promovido a apresentador. O jornalista passa a integrar o rodízio de âncoras do telejornal diário SporTV News, da titular Mariana Fontes, exibido neste sábado (4) após a transmissão de Itália x Alemanha, pela UEFA Nations League.

No programa, Luiz dividiu a bancada com o comentarista André Loffredo, que participou falando sobre o empate entre as duas seleções tetracampeãs e a preparação do Brasil para o amistoso contra o Japão, na próxima segunda-feira.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Com 34 anos, Luiz Teixeira chegou à Globo em abril de 2021, em um processo do departamento de esportes da emissora em São Paulo para a diversidade. E rompeu um incômodo padrão: é o primeiro repórter negro da equipe desde a saída de Abel Neto, em 2018.

Luiz Teixeira também é ativista da causa racial. Há dois anos, decidiu deixar seu cabelo crescer. Já ostentou black power e, em seguida, dreads. Na rádio BandNews FM, onde trabalhava antes da Globo, teve experiência como apresentador no podcast Pretoteca, exaltando a cultura negra.

No último ano, ganhou espaço nos programas da Globo e do SporTV, além das transmissões esportivas do Premiere, sem nunca se calar diante do preconceito que sofre com frequência durante o trabalho.

Em agosto de 2021, foi confundido com um cinegrafista ao se credenciar no estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (interior paulista), para cobrir o jogo entre Guarani e Operário, pela Série B do Campeonato Brasileiro. O problema, importante ressaltar, não é ser câmera ou auxiliar, mas achar que um negro não tem cara de repórter. Luiz desabafou sobre o episódio no portal esportivo da emissora.

Há um mês, Luiz Teixeira foi liberado pela Globo para participar do Roda Viva, tradicional programa da Cultura, para entrevistar o comentarista e colega de emissora Walter Casagrande Jr.

Siga o colunista no Twitter e no Instagram.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....