Recuperado da Covid-19, Roberto Nonato reaparece na CNN Brasil após um mês

Apresentador, que chegou a ficar internado em São Paulo, voltou à CNN Rádio

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Titular da CNN Rádio, Roberto Nonato retornou ao trabalho nesta segunda-feira (26), um mês após ter se afastado em função do diagnóstico positivo para coronavírus. O apresentador chegou a ficar dez dias internado em São Paulo e passou duas semanas se recuperando antes de reassumir o microfone da CNN Brasil.

Embora esteja recuperado, Nonato ainda comandou o CNN Manhã distante de sua colega de bancada, Larissa Calderari. Enquanto ela apresentou do estúdio da CNN, o locutor trabalhou em sua casa, como havia feito na semana anterior ao seu afastamento, como medida de segurança da emissora para evitar a propagação do vírus causador da Covid-19.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em seu retorno, Nonato recebeu no ar os cumprimentos de Calderari e outros colegas de CNN, como a apresentadora Daniela Lima, que participa do CNN Rádio no quadro “Em Off”: “Que alegria falar com você, que alegria te ter de volta, que alegria para mim e para os nossos ouvintes queridos. Sentimos sua falta. Bem-vindo!”, parabenizou.

Nonato foi o quarto apresentador vítima de um surto de coronavírus na CNN Brasil. Além dele, contraíram a Covid-19 Rafael Colombo e Elisa Veeck, do CNN Novo Dia, e Marcela Rahal, titular do Live CNN. Todos se recuperaram e já voltaram ao trabalho.

O titular do CNN Rádio trabalhou presencialmente até 19 de março, quando o surto de Covid já havia começado na emissora (o estúdio está situado no mesmo prédio da TV, na Avenida Paulista). Após o teste positivo, Nonato deixou temporariamente o CNN Manhã e foi substituído por Camila Olivo.

“Tive dor de cabeça forte, febre e dificuldade pra respirar. Depois do PCR [teste do cotonete], os sintomas aumentaram e procurei o médico. Agora estou melhor, me recuperando em casa com exercícios e retomada da capacidade pulmonar. Logo estarei de volta”, afirmou Roberto Nonato à coluna.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio