Compre iPhone SE na Apple a partir de R$ 3.779,10 à vista ou em até 12 vezes. Frete grátis para todo o Brasil
Saiba mais
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Tem ou Não Tem

“É 13”: Alusão ao PT no Caldeirão é usada por políticos, mas gera preocupação na Globo

Ex-BBBs e As Five gritam número de partido político em referência à eleição presidencial

Publicado em 15/01/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Para conquistar o prêmio máximo do Tem ou Não Tem, as Five precisavam de 13 respostas. E foi o 13 o grande personagem do Caldeirão deste sábado (15). Ana Hikari, que participava da etapa final do game show, gritou o número do PT com muita empolgação. “É treze!”. Gil do Vigor e João Luiz, ex-BBBs do time concorrente, captaram a referência ao Partido dos Trabalhadores e fizeram coro à atriz da novela Quanto Mais Vida, Melhor!.

Nas redes sociais, os participantes do programa da Globo confirmaram o que antes era só uma especulação. A citação ao PT foi proposital estimulada pela coincidência numérica. O 13 que renderia o prêmio de R$ 30 mil às ex-atrizes de Malhação é o 13 que a maioria dos convidados irá apertar na urna eletrônica em 2 de outubro.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Apesar da euforia, também houve espaço para preocupação. A coluna apurou que parte da equipe do Caldeirão ficou receosa quanto à exibição da “propaganda” do PT e acreditou inclusive que o quadro, gravado em dezembro de 2021 para ir ao ar na antevéspera da estreia do BBB 22 (por isso o convite aos ex-brothers), seria vetado pela Globo, constantemente atacada por militantes da sigla de esquerda.

Ana Hikari, Heslaine Vieira, Gil do Vigor, João Luiz Pedrosa e Camilla de Lucas compartilharam o trecho em que gritaram “É treze!” na Globo, além de memes com a estrela do PT e o rosto de Luiz Inácio Lula da Silva, provável candidato do partido à eleição presidencial.

Petistas aproveitaram a citação indireta no Caldeirão para fazer campanha antecipada. Entre eles, estão Fernando Haddad, ex-prefeito de São Paulo e candidato à Presidência derrotado por Jair Bolsonaro em 2018; os deputados federais Paulo Pimenta, Natália Bonavides e José Guimarães; e o prefeito de Diadema (Grande SP), José de Filippi Jr.

Em sua rede social, Ana Hikari contou bastidores da repercussão de sua referência ao PT durante o programa: “Eu só me lembro de olhar para a cara do Gil do Vigor e do João Luiz Pedrosa e vê-los arregalarem o olho quando comecei a falar ‘É 13’. Quando vi, a gente já estava tudo pulando e gritando ‘É 13 BRASIL TREZE TREZE TREZE'”.

O PT já convidou Gil do Vigor e Arthur Picoli para se filiarem, após os dois terem sinalizado votar na sigla durante conversa dentro da casa do Big Brother Brasil, em abril do ano passado.

Siga o colunista no Twitter e no Instagram.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....