Mais do que você gosta.
Assine o Star+
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Abrindo o jogo

Ariadna Arantes expõe transfobia que sofreu durante e após o BBB

A influenciadora ficou indignada com algumas situações dentro do BBB 22

Publicado em 21/01/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Nesta sexta-feira (21), Ariadna Arantes resolveu falar sobre algumas situações que viveu quando foi a primeira mulher trans no Big Brother Brasil, além de citar casos que estão acontecendo no BBB 22.

Ela usou uma imagem com trecho de diálogo que aconteceu na casa, onde Rodrigo afirmava que acreditava que “traveco e travesti eram a mesma coisa”. Posteriormente, Pedro Scooby falava que “um é a forma pejorativa de você usar o nome e o outro é o nome de fato”.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

“Foi exatamente o que o Scooby fez comigo em 2019 em Milão. Fez um facetime pro irmão dele e veio falar, tô com 3 traveco aqui. E na mesma hora eu falei: traveco não, eu sou uma mulher você me respeita. Claro que essa gracinha ele só fazia quando a Patroa tava dando entrevista”, escreveu Ariadna.

“Tanto que eu só contei isso pra ela quando viajamos pra Croácia. Tomara mesmo que ele tenha mudado e pensa desse jeito, porque quando tava eu e as 2 irmãs de santo travestis da Anitta lá no show dela, ele foi chamar a gente de traveco”, continuou a influenciadora. “Quando cheguei em Milão que fui encontrar eles no Hotel que ela nos apresentou ele me perguntou de cara: você é trans? Minha resposta na frente de todos foi. A palavra Trans, vem de transição. Eu já passsi pela minha. Sou uma mulher… era essa a história”, afirmou.

A ex-BBB falou sobre uma pessoa que não a apoiou quando ela esteve no reality show, mas estava falando sobre transfobia em uma live. “Agora um monte de gente vai querer engajar… mas não se esqueçam, quem Realmente está nessa luta. Não se deixem enganar… muito fácil apoiar alguém que tá nesse momento na mídia mas ignora todas as outras que não tem voz. Apoiem a Linn muito…”, escreveu Ariadna.

Ariadna se sentiu humilhada por capa de jornal na época do BBB

Logo depois, ela recordou uma capa chocante de um jornal na época em que ela esteve no programa. “Quando alguém falar: Ariadna foi eliminada porque escondeu que era trans… olha o que faziam comigo na época! Apenas uma das milhares de capas de jornais que eu era humilhada…”, concluiu.

Nos comentários, o jornal pediu desculpas pela manchete. “Pedimos perdão não apenas a Ariadna como a todas e todos agredidos por essa capa de 11 anos atrás. Não tem graça, assim como outras piadas infelizes que, no passado, eram corriqueiras, embora causassem sofrimento. Além de nos envergonhar, não reflete a nossa atual linha editorial”, escreveu.

Confira a capa polêmica:

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....