Mais do que você gosta.
Assine o Star+
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Saudades

Você sabia? Salvatore de A Favorita teve fim trágico também na vida real

Walmor Chagas faleceu em 2013 com 82 anos de idade

Publicado em 19/07/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

A reprise de A Favorita destaca atualmente um personagem crucial: doutor Salvatore, vivido por Walmor Chagas. O médico é interesse comum de Flora (Patrícia Pillar) e Donatela (Claudia Raia).

Foi ele que atendeu Marcelo (Flávio Tolezani) após o rapaz levar vários tiros. Antes de morrer, o filho de Irene (Glória Menezes) e Gonçalo (Mauro Mendonça) revelou quem era a assassina.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Com isso, o depoimento de Salvatore foi crucial para condenar Flora. Mas a vilã vira o jogo e faz o médico mudar sua confissão para incriminar a rival.

Flora descobre que o médico tem uma vida dupla e o chantageia. Depois, mata Salvatore cruelmente e ainda acusa Donatela, que também está na cena do crime. O final do médico na novela é trágico, assim como aconteceu com o seu intérprete.

Walmor Chagas como Salvatore em A Favorita

Morte de Walmor Chagas

Walmor Chagas foi um aclamado ator, dramaturgo, produtor, entre outras funções ligadas à Arte. A Favorita foi sua última novela na Globo. Depois, ele esteve em Mutantes, na Record TV.

Antes disso, figurou no elenco de inúmeras produções, com destaque para obras das décadas de 1970 e 1980. Do mesmo modo, esteve em muitas obras teatrais e do Cinema.

Com uma carreira consolidada, Walmor faleceu em 2013, aos 82 anos, no interior de São Paulo. Segundo informação do laudo oficial, a causa da morte foi suicídio.

“Não resta dúvidas de que foi suicídio”, revelou o delegado responsável pelas investigações. O corpo do ator foi encontrado por um funcionário em uma pousada, sentado em uma poltrona, com uma arma em seu colo.

Walmor Chagas em A Favorita

Segundo um amigo de Walmor, ele estava doente e não queria dar trabalho para amigos e familiares. “Acredito que seu suicídio foi resultado da sua teimosia, não queria ser um peso para ninguém. Ele na verdade quis escolher a hora de sua própria morte”, disse ao UOL.

O corpo do doutor Salvatore de A Favorita foi cremado em São José dos Campos. As cinzas foram jogadas na Serra da Mantiqueira, conforme desejo do ator.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....