Globoplay

Saudade: 12 atores da novela Sonho Meu que já morreram

História criada por Marcílio Moraes entra para o catálogo da plataforma nesta segunda-feira (28)

Publicado em 28/03/2022

Um mês após concluir sua reprise no Canal Viva, na faixa das 12h30, a novela Sonho Meu está chegando ao catálogo do Globoplay. A novela de Marcílio Moraes fez sucesso nos anos 1990 com um grande elenco. Dentre os escalados, 12 atores já morreram.

Na lista de falecidos, dois veteranos dos folhetins, que tiveram destaque na trama. Elias Gleizer, intérprete do Tio Zé, faleceu em 2015, aos 81 anos, vítima de uma broncopneumonia. Ele interpretou o melhor amigo de Laleska (Carolina Pavanelli).

Beatriz Segall, que viveu Paula, avó de Lucas (Leonardo Vieira) e Jorge (Fábio Assunção), morreu em 2018. A eterna Odete Roitman de Vale Tudo estava com 92 anos, e participou também de Ninho da Serpente, Água Viva, Dancin’ Days, Carmem, O Clone e Barriga de Aluguel, entre outras novelas. A causa da morte não foi divulgada.

Walmor Chagas, o doutor Afrânio Guerra, cometeu suicídio em janeiro de 2013, aos 82 anos. O aclamado ator participou de várias tramas, como Final Feliz, Eu Prometo, Vereda Tropical e Mandala. Ele foi encontrado por um funcionário em uma pousada no interior de São Paulo.

Novela Sonho Meu
Elias Gleizer e Carolina Pavanelli em Sonho Meu DivulgaçãoGlobo

Yoná Magalhães, a Magnólia, faleceu aos 80 anos. Ela foi vítima de insuficiência cardíaca em outubro de 2015. Por outro lado, Carlos Alberto, o Fiapo, com quem Yoná foi casada, morreu em 2007 devido a um câncer.

Alexandre Lippiani, intérprete de Luís Ortega, sofreu um acidente de carro fatal em 1997. Ele tinha apenas 32 anos. A tragédia aconteceu quatro anos após a novela das seis.

Outros atores de Sonho Meu que já morreram

Além dos citados, entre os atores de Sonho Meu que já morreram estão Jorge Cherques, o Ivan, que faleceu em 2011; e Newton Martins, o Mercadoria, ambos por falência múltipla dos órgãos.

Carlos Kroeber, o Varela, foi vítima de vítima de insuficiência respiratória aos 64 anos. Já Cláudia Magno, a Josefina, morreu em 1994 em decorrência de complicações do HIV. Ela tinha 35 anos.

Matilde (Yoná Magalhães) em Roque Santeiro
Matilde Yoná Magalhães em Roque Santeiro DivulgaçãoTV Globo

Por fim, Mirian Pires, intérprete de Cecília, faleceu em 2004, aos 77 anos, com toxoplasmose. Jacyra Sampaio, a Constância, faleceu em setembro de 1998, aos 76 anos, vítima de um ataque cardíaco.

© 2024 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade