Mais do que você gosta.
Assine o Star+
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Ex de José Leôncio

Antes de Pantanal, Karine Teles fez poucas novelas e se destacou em filme aclamado

Mãe de Jove na trama rural tem forte atuação no Cinema

Publicado em 15/04/2022
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Karine Teles chegou como um furacão na segunda fase de Pantanal. A intérprete de Madeleine vive em conflitos com o filho, Jove (Jesuíta Barbosa) e tem um caso com Gustavo (Caco Ciocler).

A atriz ganha seu primeiro grande papel na Globo após a participação em séries e poucas novelas. A estreia da loira na emissora aconteceu na década de 2000.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Entretanto, o destaque veio somente em 2015, quando ela ganhou o papel de Sumara em A Regra do Jogo. A personagem era uma madame deslumbrada muito rica. O fato chamou atenção da estelionatária Atena (Giovanna Antonelli), que escolheu a “amiga” para ser uma das vítimas dos seus golpes.

Em seguida, após figurar no elenco da série Filhos da Pátria, ela ganhou um papel fixo em Tempo de Amar. Ela interpretou a sofredora Odete, a esposa de Conselheiro (Werner Schürmann), que acaba tendo um destino trágico ao descobrir uma traição do marido.

Enfim, outro trabalho de Karine na Globo foi em Malhação – Toda Forma de Amar, como Regina. A moça era mãe de Guga, um jovem que descobre sua homossexualidade e precisa aprender a lidar com o preconceito, inclusive do próprio pai.

Karine Teles e Caco Ciocler como Madeleine e Gustavo em Pantanal

Filme aclamado

Embora tenha feito poucas novelas, Karine Teles tem uma extensa carreira no Cinema e no Teatro. Nas telonas, ela figurou no elenco de diversos filmes de sucesso.

Todavia, seu papel mais aclamado aconteceu no longa Que Horas Ela Volta?, produção de 2015 em que viveu Bárbara, a chefe de Val (Regina Casé).

A atriz interpretou uma mulher intragável que representava bem as diferenças entre patrões e empregados. A parceria com Regina foi muito elogiada, o que rendeu a Karine indicações a diversos prêmios.

Agora, em Pantanal, ela ganha o personagem que foi de Bruna Linzmeyer. Na trama de Bruno Luperi, Madeleine deve ter rumos diferentes em relação à primeira versão, exibida em 1990.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....